Geografia

Restinga – O que é, formação, áreas em que apare e as características

Restinga é uma área caracterizada pela presença de solo arenoso, sendo formada por vegetação composta por plantas arbustivas e herbáceas.

Atualizado em 27/03/2020

Em áreas arenosas perto do mar é comum a formação de uma vegetação denominada restinga. Nas regiões de planície costeira, o surgimento de vegetações que se distribuem ao longo de litorais são frequentes. Isso porque, a condição propiciada pelo solo que recebe influência das águas do mar, estabelece a criação desses ecossistemas vegetais.

Assim, a restinga é comum nos litorais brasileiros, além de outras regiões do mundo. O local onde as restingas aparecem são denominados de planícies arenosas. Sua formação advém do recuo da água do mar ao ao longe de milhares de anos.

Por conta disso, durante o fenômeno chamado de Quaternário, a água do mar sofre elevações e, com isso, é possível visualizar a vegetação que, às vezes, fica submersa pela água. Além disso, as áreas em que a restinga está presente são influenciadas por fatores denominados de abióticos. Ou seja, são fatores que o ecossistema recebe dos seres vivos.

Restinga

Os principais fatores abióticos que influenciam a restinga a topografia do terreno merece ser destaca. Isso porque, a área que a vegetação cobre é caracterizada por apresentar elevações, denominadas de cordões arenosos. Além disso, as faixas de depressão – chamados de entre-cordões – também fazem parte da composição do solo.

Outros fatores como o nível do mar nas áreas de vegetação também são importantes. Ou seja, a modificação dos níveis marinhos é responsável por controlar em que medida a vegetação cresce. Assim, a área ocupada pela restinga depende da influência marinha.

Restinga - O que é, formação, áreas em que aparem e características
Nessa vegetação, são comuns árvores como chapéu-de-sol, coqueiro e goiabeira. Fonte: Estudo Prático

Assim, para que a vegetação das restingas possam crescer a área arenosa precisa conter algumas fisionomias específicas. Desse modo, a aparição dessa vegetação segue características distintas dependendo da região.

Tipos de vegetação restinga

  • Vegetação herbácea ou subarbustiva – é comum em áreas como praias, dunas, lagunas, banhados e depressões, ou seja, regiões mais próximas do mar. Geralmente apresentam vegetação rasteiras com a presença de arbustos que podem chegar à altura cerca de 1 metro. Além disso, recebe o nome de halófila-psamófila por conta da capacidade em se adaptar às condições salinas e arenosas.
  • Vegetação arbustiva – composta por liquens, samambaias, bromélias e orquídeas, além de trepadeiras. Geralmente aparecem sobre cordões arenosos onde a presença de arbustos é comum, formando moitas que se separam.
  • Floresta baixa de restinga – é caracterizada pela presença de arbustos e grandes árvores. Não possui muitas trepadeiras e a vegetação se localiza em áreas mais internas das planícies costeiras, Além disso,  o dossel é aberto e a flora herbácea é rica.
  • Floresta alta de restinga – caracterizada pela presença de grandes árvores. A área ocupada por essa vegetação se encontra mais afastada do mar, onde o solo apresenta maior quantidade de nutrientes. Além disso, o solo possui drenagem maior.

Fauna

A vegetação da restinga é rica em termos de fauna. Isso porque, são vários os animais encontrados habitando esse ecossistema. Assim, é possível ver a presença de diversas aves que buscam a vegetação como forma de alimento e descanso. Além disso, outras aves como papagaio-de-cara-roxa, a coruja buraqueira e o formigueiro-do-litoral também são encontrados nas restingas.

Restinga - O que é, formação, áreas em que aparem e características
Papagaio-de-cara-roxa. Fonte: Jornal Mensageiro

Alguns mamíferos também fazem parte da fauna desse tipo de vegetação. Assim, são encontrados animais como o mico-leão-caiçara, queixada  e a lontra. Além disso, as restingas também servem como local de desova para tartarugas marinhas, além de esconderijo para o caranguejo conhecido como maria-farinha.

A restinga no Brasil

No Brasil, a vegetal da restinga se encontra nas regiões sudeste e nordeste. Dentre os estados em que é possível observar esse tipo de vegetação estão:

  • Rio de Janeiro (região sudeste)
  • São Paulo (região sudeste)
  • Espírito Santo (região sudeste)
  • Bahia (região nordeste)
  • Sergipe (região nordeste)
  • Alagoas (região nordeste)

Além disso, dentro dos estados em que a restinga está presente, algumas vegetações são classificadas como:

  • Restinga da Jurubatiba (litoral Norte do estado do Rio de Janeiro)
  • Restinga da Marambaia (litoral do estado do Rio de Janeiro)
  • Restinga de Massambaba (litoral do estado do Rio de Janeiro)
  • Restinga da Praia de Itaguaré (litoral do estado de São Paulo)
  • Restinga de Bertioga (litoral do estado de São Paulo)

Restinga da Marambaia – A restinga da base naval

É uma restinga localizada na base da Força Aérea Brasileira, pertencente ao Exército da Marinha do Brasil, no Rio de Janeiro. Por ser uma área militar, não pode receber nenhum tipo de visita ou turista.

A base militar é conhecida por possuir uma Escola de Aprendizes-Marinheiros, além de ser responsável por propiciar atividades para os integrantes da base marinha.

Restinga - O que é, formação, áreas em que aparem e características
Base Naval no Rio de Janeiro. Fonte: Diário do Rio

Porém, no período da escravidão, o local já era utilizado pelos colonizadores como forma de “engorda” dos negros. Após a escravidão, o local foi repovoado, tomando novos rumos de produtividade. Por conta disso, é comum ver na região quilombolas que desenvolvem artesanato e pesa.

Por fim, quando a região foi ocupada por militares, em 1970, houve conflitos entre nativos e as forças armadas. Porém, a disputa por terras foi cessada em pouco tempo.

O que achou da matéria? Se gostou, corre pra conferir quantos estados formam o Brasil e quais os climas que predominam no país.

Fontes: Info Escola, Escola Educação e Sua Pesquisa

Fonte imagem destaque: IGUI Ecologia

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.