Biologia

Hemácias, o que são? Definição, principais características e função

As hemácias, também conhecidas como glóbulos vermelhos ou eritrócitos, são células sanguíneas produzidas na medula óssea.

Atualizado em 24/06/2020

O tecido sanguíneo é formado por variados tipos de células localizadas no plasma. Dentre essas células estão as hemácias, também conhecidas como glóbulos vermelhos ou eritrócitos. As células sanguíneas, no caso, a hemácia, são responsáveis pelo transporte de oxigênio no sangue. Além disso, dão a cor vermelha ao material sanguíneo.

Em síntese, são células que não possuem núcleo e, por conta disso, também não possuem material genético. A produção ocorre por meio do processo denominado eritropoiese, sendo estimulado pelo hormônio glicoproteico, denominado eritropoetina. O tempo médio de vida das hemácias é de 120 dias.

Quando a oxigenação sanguínea apresenta níveis reduzidos, a produção de eritropoetina é afetada. Além do transporte de oxigênio no sangue, as hemácias também são responsáveis pela obstrução de íons de hidrogênio e pelo transporte de dióxido de carbono.

Anúncio

Características das hemácias

As hemácias também são conhecidas como glóbulos vermelhos ou eritrócitos. Sendo assim, são produzidas na medula óssea por meio do processo denominado eritropoiese. Para que o processo ocorra é necessária a presença da eritropoetina – hormônio glicoproteico. Assim, quando o sangue possui baixo nível de oxigênio, a produção do hormônio é afetada.

Hemácias, o que são? Definição, principais características e função
Composição do sangue.

As células sanguíneas em questão possuem formato de disco bicôncavo, sendo arredondadas. Na região periférica, por exemplo, possuem 7,5 µm de diâmetro e 2,6 µm de espessura. Já na parte central da célula, a medida é de 0,8 µm. Quando o sangue é rico em gás carbônico, as hemácias são maiores se comparadas ao sangue rico em oxigênio.

Dentre a principal função das hemácias está o transporte de oxigênio no sangue para as demais células corporais. Por conta da estrutura da hemácia, a superfície de contato é aumentada, garantindo que a troca de oxigênio seja feita de forma eficiente. Além de transportar oxigênio, as hemácias atuam no transporte de dióxido de carbono, além da obstrução dos íons de hidrogênio.

Função

As hemácias conseguem realizar o transporte de oxigênio no sangue por conta da hemoglobina. Ou seja, a hemoglobina é a proteína responsável pela cor vermelha do material sanguíneo, sendo formada por quatro subunidades. Assim, cada unidade é ligada a um grupo heme, isto é, um grupo prostético formado por um átomo de ferro.

Dessa forma, uma das principais funções da hemácia é o transporte de oxigênio, obtido por meio do sistema respiratório. As hemácias possuem tempo médio de vida de 120 dias. Isso porque, após esse período de tempo, ocorre a destruição das células no fígado e baço.

Hemácias, o que são? Definição, principais características e função
Combinação da Hemoblobina com o O2.

Enquanto isso, quando as células chegam aos pulmões, a hemoglobina forma oxiemoglobina ao ligar-se com as moléculas de oxigênio. Por outro lado, quando as células se ligam com o gás carbônico, a carboemoglobina é formada.

Além do mais, a quantidade de hemácias presente nos seres humanos, por exemplo, pode variar. No caso das mulheres, estima-se que existam cerca de 4.700.00 hemácias. Já nos homens, esse total sobe para 5.400.000 de células por milímetro cúbico de sangue. Porém, o número de hemácias é bastante influenciado por conta dos hábitos de vida e do estado emocional, variando de pessoa para pessoa.

Doenças

Quando um indivíduo apresenta redução de hemoglobina algumas doenças podem ocorrer, como no caso da anemia. Em síntese, a anemia é resultado da falta de hemoglobina no sangue impossibilitando que o oxigênio seja transportado de forma correta.

Dentre os fatores que provocam a anemia está a alimentação com ausência de ferro, destruição exagerada das hemácias no organismo, bem como baixa produção do hormônio e hemorragias graves.

Hemácias, o que são? Definição, principais características e função
A anemia é resultado da falta de hemoglobina no sangue.

Assim, por conta da dificuldade no transporte do oxigênio, os sintomas da anemia podem incluir cansaço e fraqueza. Isso ocorre porque a célula não consegue realizar a respiração celular de forma intensa e, dessa forma, menor energia é produzida no corpo.

Além da anemia causada por fatores externos, ou seja, que dependem dos hábitos de vida, existem casos de indivíduos com anemia falciforme. Esse tipo de anemia é uma doença hereditária, com causas genéticas, onde as células sanguíneas, ou seja, as hemácias, apresentam deformação.

O que achou da matéria? Se gostou, confira também o que é Biodiversidade e quais as características do Metabolismo.

Fontes: Brasil Escola, Biologia Net, Toda Matéria e Só Biologia 

Imagens: Significados, Salvo Vidas, Patologia e Fisiologia e Medpri

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.