História

Tríplice Aliança, o que foi? História, acordo e Primeira Guerra Mundial

Tríplice Aliança, também chamada de "aliança das potências centrais", foi um acordo político, econômico e militar criado em maio de 1882.

Atualizado em 10/06/2020

O período histórico que antecede a Primeira Guerra Mundial foi marcado pela criação de mecanismos de defesa entre os países europeus. Ou seja, várias alianças foram criadas com o objetivo de evitar possíveis ataques vindos de outros países. Um desses mecanismos de defesa foi a criação da Tríplice Aliança, também chamada de “aliança das potências centrais”. Tinha esse nome por conta da localização centralizada no continente europeu.

Assim, Alemanha, Império Austro-húngaro e Itália formavam o grupo da Tríplice Aliança. Dentre os três países, a Alemanha era a que detinha o maior destaque.

Já o Império Austro-Húngaro, entrou como apoiador dos alemães por conta da questão racial que envolvia os países. Dessa forma, tinha como elemento fundamental o nacionalismo, fato que unia as duas nações.

A Itália, por outro lado, se tornou parte da TA devido às relações comerciais favorecidas com os alemães. Além disso, os italianos almejavam conquistar regiões no Continente Africano.

Entretanto, na época, a Itália não possuía armamento suficiente nem a força militar necessária para conquistar territórios na África. Assim, a solução encontrada foi se unir à Alemanha de forma estratégica para alcançar os objetivos.

Nesse sentido, com a Alemanha se tornando cada vez mais uma potência na Europa, os países sofreram com um desequilíbrio e desavenças políticas. Como forma de contrapor a TA surgiu, então, a Tríplice Entente, formada por França, Inglaterra e o Império Russo.

Surgimento da Tríplice Aliança

De fato, a Tríplice Aliança foi criada no dia 20 de maio de 1882. O principal objetivo era dar apoio aos integrantes do acordo em caso de guerras e conflitos europeus. Assim, a união da Alemanha, Itália e Império Austro-húngaro era uma acordo político, econômico e militar.

Tríplice Aliança, o que foi? História, acordo e Primeira Guerra Mundial
Países que formavam a Tríplice Aliança e a Tríplice Entente.

No contexto histórico, a Alemanha era rival da França e Inglaterra. Antes da Primeira Guerra Mundial, os alemães impulsionaram uma onda de nacionalismo que atingiu em cheio os países europeus. Ou seja, a Alemanha estava ganhando força em todos os campos diplomáticos e isso incomodava os demais países.

Dessa forma, as primeiras desavenças começaram quando, em 1871, a França foi obrigada a pagar uma indenização à Alemanha. Como se não bastasse, parte da indenização era ceder a região Alsácia-Lorena. A região era de interesse alemão por conta das riquezas minerais, como o carvão, além do anseio antigo de dominar a região.

Com isso, após o ocorrido, criou-se uma barreira que protegia os países que formavam a Tríplice Aliança. A barreira tinha como principal objetivo estabelecer relações diplomáticas, almejada pela Itália, que passava pelo processo de unificação. O império Austro-húngaro, por exemplo, não foi a favor da unificação italiana. 

Tríplice Aliança, o que foi? História, acordo e Primeira Guerra Mundial
Prisioneiros alemães usando máscaras de gás em Ypres, na França.

Nesse sentido, a Itália, que fazia parte da TA, declarou que em hipótese alguma entraria em guerra contra os ingleses. Quando a Primeira Guerra Mundial Teve Início, a Itália não seguiu apoiando a TA e se juntou à Tríplice Entente, em 1915, pelo Tratado de Londres.

Tríplice Entente

Para entender como foi a criação da Tríplice Entente, é preciso lembrar que os países do acordo tinham desavenças com a Alemanha. A criação da Tríplice Aliança foi, inclusive, a força motivadora para que Inglaterra, Rússia e França se unissem na criação de um novo acordo.

A Tríplice Entente, então, surgiu em 1907, início do século XX. Assim, como a TA, os países possuíam acordos econômicos, políticos e militares, além de se apoiarem em caso de guerras e conflitos diversos. Dessa forma, tanto a TA quanto a TE foram criadas para servirem como bases de apoio e fins diplomáticos.

Primeira Guerra Mundial

A Primeira Guerra Mundial foi impulsionada por uma série de desavenças que já ocorriam entre os países membros das alianças. Por mais que, no início, as alianças tenham sido criadas com foco nos interesses diplomáticos, as disputas que já haviam ocorrido e os conflitos não resolvidos pesaram para eclodir a guerra.

Tríplice Aliança, o que foi? História, acordo e Primeira Guerra Mundial
A Primeira Guerra Mundial foi o conflito travado entre 1914 e 1918.

Assim, assuntos econômicos e políticos que não estavam em total acordo, fazendo os Estados se sobreporem, foram um dos motivos para que os conflitos mundiais começassem. Além disso, a França ainda tinha assuntos pendentes com a Alemanha. Isso porque, o país havia cedido terras ricas em minério de ferro aos alemães em acordos anteriores.

O que achou da matéria? Se gostou, confira também o que foi a Queda de Acre e quais motivos causaram a Segunda Guerra Mundial. 

Fontes: Toda Matéria, Toda Matéria, Opera Mundi e Todo Estudo

Imagens: Infogram, PJF, História de TudoMemórias da Grande Guerra

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.