Biologia

Genoma – O que é, importância, características e projeto genoma humano

Genoma é caracterizado como uma sequência completa de informações que constituem o DNA de um ser vivo, ou seja, um conjunto de genes.

Atualizado em 16/03/2020

Todo ser humano possui no organismo o ácido desoxirribonucleico, ou seja, o DNA. Cada DNA é formado por sequências completas de informações que caracterizam um indivíduo. Visto isso, a sequência completa de um DNA é denominada genoma.

Portanto, cada sequência de DNA carrega informações que são transmitidas de geração em geração. Nesse sentido, são espécies de códigos armazenados que se decodificam por códigos. Assim, o genoma é responsável por armazenar as informações que são transmitidas por meio da hereditariedade, ou seja, os genes. Os genes são responsáveis pela produção de grande parte das proteínas que o ser humano possui no corpo.

Assim, os genomas são combinações de espermatozoides e óvulos que se separam em pares. Dessa forma, o ser humano possui um genoma dividido em 46 cromossomos, formando assim 23 pares. A ciência que estuda as sequências de DNA é denominada genômica. Além disso, alguns países participar de projeto chamado Projeto Genoma Humano responsável pela decodificação do DNA humano.

Importância do genoma no organismo

Por meio da análise do genoma de um ser vivo é possível identificar as características que o formam. Além disso, é por meio dessa análise que algumas doenças são detectadas.

Nesse sentido, profissionais da medicina conseguem, por meio do estudos dos genomas, identificar possíveis complicações no organismo e, consequentemente, trabalhar para enfermidades não ocorram. Assim, o trabalho é possível por meio de testes genéticos.

Genoma - O que é, importância, características e projeto genoma humano
Sequenciamento do genoma humano. Fonte: Logos Apologéticas

Alem disso, por meio do conhecimento dos genes humanos é possível encontrar medicamentos para a cura de determinadas doenças. Com isso, a medicina consegue desenvolver mecanismos que retardam os efeitos graves à reações medicamentosas, por exemplo.

Neste caso, genes que possam apresentar algum problemas são capazes de serem substituídos por meio da terapia genética. Portanto, o conhecimento sobre os genes é de extrema importância. Isso porque, o conhecimento sobre a humanidade, o passado e o processo evolutivo são beneficiados por meio da genômica.

Projeto Genoma Humano

O Projeto Genoma Humano é caracterizado como um plano científico criado para mapear os genes humanos. Assim, é um plano que alguns países do mundo aderiram com o intuito de decodificar o DNA da Humanidade. Nesse sentido, cada sequência de DNA seria mapeado para que as informações pudessem ser armazenadas.

Assim, criado em 1900, a ideia inicial do plano era sequenciar os genes e estudar as bases do DNA por 15 anos. Contudo, a tecnologia propiciou que todos os objetivos do plano fossem atingidos em menor tempo, em 13 anos.

Genoma - O que é, importância, características e projeto genoma humano
O conjunto de sequências de ácidos nucleicos ou genes que formam o DNA de um organismo é o seu genoma. Fonte: Eu quero biologia

Dessa forma, com os estudos, foi possível chegar à algumas conclusões como, por exemplo:

  • O genoma é formado por 3,2 bilhões de nucleotídeos;
  • Foram descobertas as funções de 50% dos genomas sequenciados;
  • A sequência do genoma humano é 99,9% igual em todos os seres humanos;

Por meio do sequenciamento do genoma é possível diagnosticar doenças, criar medicamentos, vacinas. Além disso, é possível detectar se um indivíduo tende a ter determinado tipo de doença ou não e, assim, criar métodos de prevenção. Assim, com o sequenciamento do gene as informações contidas no DNA são encontradas.

O que achou da matéria? Se gostou, corre pra conferir mais temas aqui no site como, por exemplo, o que são Briófitas e Organelas.

Fontes: Brasil Escola, Info Escola, Só Biologia

Fonte imagem destaque: UOL

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.