História

Abstracionismo, o que é? Contexto histórico e artistas

O abstracionismo é parte do Movimento Modernista que teve o objetivo de romper com a forma concreta de se fazer arte no início do século XX.

Atualizado em 19/06/2020

O abstracionismo, também chamado de arte abstrata, integra o movimento artístico modernista. Como o próprio nome diz, essa maneira de se expressar a arte não é feita de forma concreta, mas sim abstrata. Ou seja, nele não é necessária a imitação perfeita do mundo e das coisas.

O modo de criação abstracionista surgiu no inicio do século XX, mais claramente nas décadas de 1910, 1920. Mas, apesar de se ligar às vanguardas europeias, já havia resquícios do estilo na história da humanidade.

O que é o Abstracionismo?

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
DHGate.com

O abstracionismo é, portanto, um modo de fazer arte que se ascendeu durante o movimento modernista, originado na Europa. A subjetividade está iligada ao princípio da criação do estilo, porque a fuga da realidade é o objetivo central das obras produzidas nesse período.

Assim como as vertentes que surgiram durante o período modernista, a arte abstrata veio, sobretudo, para romper antigos paradigmas. Suas formas trouxeram, assim, a rejeição dos consumidores artísticos, porque não interagiam com o modelo racional dos antigos estilos.

No entanto, outro ponto importante da arte abstrata é a bidimensionalidade e a tridimensionalidade presentes nas obras. Além das duas formas, as cores também são marcantes nos moldes abstratos. As formas se tornam muito mais interessantes do que a figura em si.

Contexto Histórico

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Através TV

Em detrimento da vanguarda européia modernista, o Abstracionismo surgiu no inicio do século XX, como já mencionamos. Seu fundador e consolidador foi Wassily Kandinsy, que expôs suas pinceladas abstracionistas por volta de 1910.

Vale lembrar que, assim como as outras artes Expressionistas, Cubistas, Dadaístas, Futuristas, Surrealistas e Neoplasticista; o abstracionismo foi uma expressão forte da guerra. O início da Primeira Guerra Mundial, portanto, marcou o coração dos artistas durante essa época.

A partir da necessidade de trazer à tona as emoções guardadas desse período de tensão, de guerra e de violência; que Wassily, Piet Mondrian e Kazimir Malevich se juntaram para formar o “trio sagrado da abstração”.

Características abstracionistas

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Pinturas e Pintores

A ausência de formas nas linhas e cores pintadas pelos artistas visuais abstracionistas são as principais características do movimento. A emergência de fuga da realidade faz com que haja, nas representações, algo totalmente contrário à realidade visível.

Mais do que imitar o mundo, o artista abstracionista deseja criar um mundo à parte. Um local aquém do período de vivência histórica. Para que isso ocorra, a desfiguração se torna recorrente nas obras. Os traços são, sobretudo, simples, e o uso das cores é inovador.

Até a luz é transfigurada, de forma oposta ao convencional. A sensação desse elemento é o precursor das emoções dos artistas, porque é partir da relação do indivíduo com a luz que se tem a eliminação do contorno.

Abstracionismo informal

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Guia Estudo

A princípio, o abstracionismo informal também ficou conhecido como abstracionismo lírico. As obras dos pintores associados a esse estilo de produção eram muito mais ligados aos sentimentos. Ou seja, as emoções afloradas estavam mais presentes ao grupo artístico informal.

Os significados sensoriais dados aos quadros são, no entanto, os principais objetivos das obras. Para isso, as cores são extremamente importantes nessa corrente, pois são manuseadas de maneira livre. O instinto e a impulsão, naturalizados no modo de fazer, são outras importantes características.

Artistas do estilo informal

Dos pintores abstracionistas adeptos ao estilo informal/lírico do movimento, os principais são:

Franz Marc

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Magazine Luiza

Assim como mencionado, o movimento modernista abstracionista se manifestou na história, sobretudo, nos povos primitivos. A princípio, o pintor alemão Franz Marc (1880-1916) se interessou e muito por essas pinturas, e se inspirou para produzir os seus próprios quadros.

Os animais estavam no foco de suas pinturas e foi através dessa ideia que o pintor entrou em contato com o fundador abstracionista, Wassily Kandinsy. A obra acima se chama Estábulos e, em sua visão, os bichos só são representados em sua essência por meio da Arte Abstrata.

Wassily Kandinsky

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Info Escola

Apesar de ter se formado na área de Direito, o pintor pioneiro do abstracionismo, Wassily Kandinsy, se tornou um excelência dominador das Artes Visuais. Nascido em Moscou, em 1866, o artista se lançou pelo mundo em busca de conhecimento e novas experiências.

Em 1896, após um ano de sua primeira impressão com a obra impressionista de Claude Monet, Kandinsy inicia os estudos sobre pintura em Munique. Mas, sua dedicação às arte só veio depois de 30 anos de trabalho em sua primeira formação.

A obra acima se chama Composição VIII e foi o auge se sua carreira. A pintura pós-guerra possui traços bem pensados, que dão a sensação de paisagem. Podemos claramente observar alguns triângulos representando montanhas e, principalmente, o círculo esquerdo como um sol.

Abstracionismo Geométrico

O instinto, por sua vez, não é mais o foco do movimento geométrico. Há, agora, a racionalidade dos traços sobre as telas. Aos críticos, contêm a função de identificar o propósito dessa disposições. O cubismo e o futurismo estão mais presentes nos artistas desse grupo abstracionistas.

O artista que mais se destaca no modo de fazer geométrico é:

Piet Mondrian

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Draw

A princípio, a predominância das cores vermelho, amarelo, preto e azul são marcas fundamentais para o artista. Seu contato com obras naturalistas e simbolistas o levaram a descobrir a vertente abstracionista.

Visto que no movimento abstrato havia a possibilidade da representação da realidade de uma forma mais subjetiva, Piet Mondrian aderiu ao movimento.

A obra acima traz a delimitação dos espaços pintados através das linhas. O uso das cores primárias são recorrentes em suas obras.

A Árvore Cinzenta

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Wikiart

A pintura acima veio para revolucionar o movimento abstrato, pois ficou conhecida como a forma mais pura da arte abstracionista. Esse novo modelo passou a ser chamado de Neoplasticismo. Como pode ser observado, houve uma considerável diminuição de elementos no quadro.

Abstracionismo no Brasil

A princípio, a nova origem estética europeia chegou no Brasil na Semana da Arte moderna, mas só veio a iniciar a produção por volta de 1940. Dentre os artistas envolvidos temos:

Lygia Clark

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Pinterest

A tridimensionalidade está, sobretudo, presente na obra da artista, característica forte do Abstracionismo. A obra acima vem de uma série chamada “Bichos”, elaborada pela artista através de materiais de revestimento de avião.

Ivan Serpa

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Wikipédia

Por fim, as formas orgânicas de Ivan Serpa ganharam destaque no Brasil após se dedicar ao movimento abstracionista. Inclusive, ele foi um dos três primeiros abstracionistas no país juntamente com Antônio Bandeira, Iberê Camargo.

Além de se tornar bastante influente na arte abstracionista, o pintor, desenhista e professor, também foi peça-chave para a popularização do concretismo.

Antônio Bandeira

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Warburg

Este pintor foi, sobretudo, considerado um mestre do abstracionismo brasileiro. O artista autodidata iniciou seu trabalho em 1943, aprimorando técnicas da arte abstrata ao ponto de fundar a Sociedade Cearense de Artes Plásticas – SCAP, onde ganhou vários prêmios na categoria.

Iberê Camargo

Abstracionismo - o que é, contexto histórico e artistas
Isso Compensa

Por fim, Iberê Camargo abusa das cores quentes em suas obras e traz à superfície de suas obras um tom sombrio. Por fim, o artista brasileiro é prova viva da expressão violenta dos períodos de guerra, que influenciaram o movimento modernista.

Contudo, leia mais sobre os artistas dos Movimento Bauhaus – O que é, características, a escola, projetos e artistas

Fontes: Isso Compensa, Educa Mais Brasil, Umbigo Magazine, Draw, Saia Com Arte, História das Artes 1, História das Artes 2, Aula de Arte, InfoEscola, Ebiografia, Folha Online, Mundo e Educação, Significados, Info Escola 2, Enciclopédia Itaú, Toda Matéria

Fontes de imagens: Magazine Luiza, Info Escola, Draw, Wikiart, Pinterest, Wikipedia, Warburg, Isso Compensa, Falando de ArteDHGate.com, Através.TV, Guia Estudo, Pinturas e Pintores