Língua Portuguesa

Coco ou cocô – Como escrever certo o nome da fruta do coqueiro?

Coco é fruta, cocô é fezes e côco nem sequer existe. Entretanto, é necessário entender o significado de cada uma e suas regras de acentuação.

Atualizado em 29/07/2020

Se você está pensando em um coco de coqueiro e escreveu com acento circunflexo na primeira sílaba – côco -, certamente você escreveu errado. A maneira correta é sem acento nenhum.

No entanto, e se estivermos falando de fezes?

Apesar da palavra não existir no dicionário da Língua Portuguesa, cocô com acento circunflexo na última sílaba é usado informalmente para se referir ao excremento.

Portanto, nada de côcô, com acento nas duas sílabas, pois assim também está errado.

Todavia, para poder entender melhor, é necessário observar os significados de cada uma das palavras e também suas regras de acentuação.

Coco, côco e cocô: o que cada um significa?

Primeiramente, é bom ressaltar que a palavra côco com acento na primeira sílaba não possui significado no dicionário.

Já a palavra coco refere-se a todos os frutos do coqueiro, que são arredondadas, duras por fora e com líquido por dentro.

Entretanto, coco também pode significar ‘cabeça’ ou ‘crânio’, no sentido figurado.

Exemplos:

  • Fui à praia tomar água de coco.
  • Leandro escorregou e bateu com o coco na parede.
coco 3
Cocos de praia – Fonte: Unsplash

Agora, a palavra cocô, mesmo sendo informal, dá sentido às fezes, excremento ou dejeto.

Exemplos:

  • O neném quer fazer cocô.
  • O cachorro fez cocô na sala.

Diferenças de acentuação

Conforme você pronuncia a palavra, é possível entender qual é a maneira certa de escrever, visto que depende de qual sílaba é tônica.

A fruta coco não possui acento por ser uma paroxítona.

Dessa forma, seguindo as regras de acentuação, palavras que têm a penúltima sílaba tônica não levam acento.

Contudo, a exceção vale para palavras terminadas em: r, x, n, l, ps, om, ons, um, uns, ã, ãs, ão, ãos e ditongos orais.

Já a palavra cocô possui a última sílaba tônica. Portanto, seguindo as regras de acentuação, todas as oxítonas terminadas em a, e ou o, estando no plural seguidas de s ou não, devem ser acentuadas conforme a palavra é pronunciada.

Coco2
Fonte –  Revista Galileu

Recapitulando:

Coco: fruta ou cabeça.

Cocô: fezes.

Côco ou côcô: não existem na língua portuguesa.

Agora que você entendeu a diferença entre as palavras coco e cocô e as maneiras corretas de escrevê-las, veja também as diferenças entre trás e traz, seus significados de uso e exemplos.

Fontes: Rock Content, Dicio, Clube do Português e Stoodi.

Imagens: Pixabay, Unsplash e Revista Galileu.