História

Tupinambás – História, costumes e as principais tradições

Tupinambás são povos indígenas que habitaram a região costeira do Brasil. Hoje em dia são conhecidos como tupinambás de Olivença.

Atualizado em 01/06/2020

O Brasil, antes da chegada dos colonizadores portugueses, era povoado por diversas tribos indígenas. Uma dessas tribos era a dos Tupinambás, responsável por ocupar uma parte territorial bastante extensa na costa brasileira. Para se ter uma ideia, os índios tupinambás ocupavam uma área que ia do literal norte paulistano e atravessava os estados do Maranhão e Pará até chegar no rio Amazonas.

Por muito tempo, estudiosos acreditaram que a existência dos Tupinambás já não era mais possível. Entretanto, um grupo de índios que vive em Ilhéus, na Bahia, foi considerado pela Fundação Nacional de Saúde (Funasa), como sendo parte dos tupinambás. Assim, receberam a denominação de índios Tupinambás de Olivença.

Em síntese, os Tupinambás de Olivença ainda preservam as características dos antepassados. Dentre elas estão o cultivo de alimentos e a pesca. Além dos costumes convencionais, o grupo dos primeiros tupis também praticavam a antropofagia, conhecida como canibalismo.

Os costumes dos Tupinambás

Os índios tupis já habitavam as terras brasileiras antes mesmo da chegada dos colonizadores. Quando os franceses tentaram tomar terras no território que estava dominado pelos portugueses, os índios tupis ficaram do lado da França. Assim, protagonizaram um movimento denominado Confederação dos Tamoios.

Tupinambás, quem são? História, costumes e as principais tradições
Índio Tupinambá. Fonte: alkimystika

Os primeiros índios tupis viviam em malocas, espécie de cabanas. Além disso, como forma de organização, eles se dividiam em diversos grupos. Em cada maloca era possível morar, aproximadamente, 200 pessoas. Assim, dentre as atividades que mais praticavam estava a caça, a pesca e a agricultura.

Em relação ao plantio e a preparação dos alimentos eram as mulheres que estavam à frente. A mandioca era o principal alimento cultivado pelos índios tupis devido a versatilidade da planta em diversas áreas. Já os homens eram responsáveis pela fabricação das armas que seriam usadas na caça e na pesca.

Tupinambás, quem são? História, costumes e as principais tradições
Fonte: Jornal GGN

Por fim, os índios tupis possuíam um costume muito peculiar, o canibalismo relatado na obra Duas Viagens para o Brasil, do alemão Hans Staden (1525-1579). Ou seja, eles eram adeptos a comer carne humana. Isso porque, quando havia algum tipo de guerra contra outras tribos eles comiam a carne do guerreiro que perdia o combate.

Os Tupinambás hoje

Em síntese, dentre as diversas atividades praticadas pelos primeiros Tupinambás e que permanecem no cotidiano dos tupinambás de Olivença está o cultivo da mandioca. Além disso, a caça, a pesa, o artesanato também são frequentes e as mulheres também praticam a pesca. Sendo assim, se antes os índios tupis moravam em malocas, hoje essas habitações recebem o nome de lugares.

Tupinambás, quem são? História, costumes e as principais tradições
Tupinambás de Olivença. Fonte: Cultura

Dessa forma, além do plantio da mandioca que é usada para a produção de farinha, beiju e uma bebida fermentada chamada de giroba, os índios tupis também produzem piaçava. A espécie de palmeira é utilizada na fabricação de vassouras e escovas.

Você sabia?

  • O casamento na tribo dos Tupinambás era pela união avincular, ou seja, o tio materno se casava com a sobrinha;
  • Além da mandioca, os tupinambás também cultivavam milho, frutas, abóbora, feijão, tabaco, e algodão;
  • As principais informações sobre os tupinambás foram passadas por cronistas como Soares de Sousa, Hans Staden, Pero de Magalhães de Gandavo, e Fernão Cardim.

O que achou da matéria? Se gostou, não perde tempo e confere o que foi o Período Pérmico e a Revolta da Chibata.

Fontes: IBGE, Escola Britannica, Super Abril, História do Mundo e EAMB

Fonte imagem destaque: Aventuras na História

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.