História

Segunda Revolução Industrial – História, característica, principais inventos

A Segunda Revolução Industrial teve início na segunda metade do século XIX e envolveu uma série de desenvolvimentos químicos, elétricos e etc.

Atualizado em 10/05/2020

A Segunda Revolução Industrial surgiu ainda na metade do século XX e representou mudanças na produção da indústria elétrica, química, de petróleo e de aço. Assim, teve início em 1850 e finalizou com o fim da Segunda Guerra Mundial. Dessa forma, foi um marco para o início da industrialização mundial, vivida, primeiramente, pela Inglaterra.

Nesse sentido, todo o processo envolvendo a Revolução Industrial servia para que novas formas de produção fossem desenvolvidas. Além disso, foram processos não interrompidos que auxiliaram nos avanços de tecnologias. Assim também, novas indústrias e a forma de produção foram fortemente beneficiadas pelas novas formas de realização.

Todavia, a Segunda Revolução Industrial foi o processo de continuidade da revolução que havia se iniciado em 1750 com a Primeira Revolução Industrial. Dessa forma, o aperfeiçoamento das técnicas produtivas, além do surgimento de máquinas e novos meios de produção foram alguns dos pontos que deram início à esse movimento revolucionário.

Segunda Revolução Industrial, história

Em síntese, a revolução industrial estava concentrada na Inglaterra. Assim, com o início da Segunda Revolução os processos de produção começaram a se espalhar para outros países. Logo, países como os Estados Unidos, França, Rússia, Japão e Alemanha também iniciaram novas formas de produção industrial.

Com a Primeira Revolução os destaques produtivos se concentravam no ferro, no carvão e na energia a vapor. Agora, com a Segunda Revolução,  as técnicas produtivas davam lugar ao aço, a eletricidade e ao petróleo. Dessa forma, com o surgimento de novas industrias e a automatização do trabalho novas formas de produção em massa surgiram. Além disso, indústrias elétricas e químicas impulsionaram a economia.

Segunda Revolução Industrial - História, característica, principais inventos
Durante a Segunda Revolução Industrial o automobilismo ganhou força. Fonte: Todo Estudo

Um ponto a ser destacado foi a interação no meio social, do trabalho e do ser humano com o meio ambiente com a Segunda Revolução. Isso porque, as ferrovias se expandiram, o que possibilitou o trânsito de pessoas para diferentes lugares, além da expansão do comércio.

De fato, a Revolução Industrial trouxe pontos como os processos acelerados de produção. Ou seja, foram criados modos de organização da produção industrial em que produzir mais em menos tempo seria mais lucrativo. Assim, essas formas de produção em que mais em menos tempo gera maior lucro ficaram conhecidas como taylorismo e fordismo.

Causas

Alguns pontos podem ser destacados como fatores principais para o desencadeamento da revolução. Como por exemplo a Revolução Francesa e a Revolução Inglesa, consideradas Revoluções Burguesas. De fato, foram revoluções regadas pelo pensamento iluminista, além do liberalismo.

Segunda Revolução Industrial - História, característica, principais inventos
As produções dentro das indústrias deviam ser feitas no menor tempo possível. Fonte: Vermelho

Dessa forma, foram responsáveis pelo processo de desenvolvimento da relação entre capitalismo e produção. Além disso, a dominação social pautada pela Igreja e pela monarquia são pontos a se destacar. Nesse sentido, com o fim do Antigo Regime, o capitalismo se fortaleceu com o impulso das Revoluções Burguesas.

Por consequência, diversas indústrias surgiram e o capitalismo entrou em nova fase. Assim, surge o conceito de capitalismo financeiro sendo o guia de empresas que começaram a monopolizar os setores da indústria e do mercado.

Consequências

Apesar dos desenvolvimentos tecnológicos e em outras áreas da indústria, a Segunda Revolução trouxe fatores desvantajosos para a sociedade. Isso porque, a produção em massa se tornou o ponto principal do desenvolvimento econômico e, por consequência, novas formas de organização de trabalho foram criadas. Assim, o capital foi concentrado na mãos dos empresários e a mão de obra foi desvalorizada.

Segunda Revolução Industrial - História, característica, principais inventos
O telégrafo, a invenção que deu início à era da informação. Fonte: Kaspersky

O ferro, que antes era uma das produções da Primeira Revolução, foi substituído pelo aço. Assim, a produção de aço serviu, por exemplo, para alimentar ferrovias, a indústria naval e na fabricação de armamentos.  Além disso, o setor químico ganhou relevância na Segunda Revolução. Dessa forma, a produção de remédios, fertilizantes, adubos, papel e uma gama de outros produtos serviram para revolucionar a vida das pessoas.

Por outro lado, outro ponto que passou a ganhar destaque, foi a substituição da energia a vapor pela eletricidade. Assim, diversas partes como as indústrias, o consumo pessoal, a criação de produtos deram um salto no desenvolvimento. Além disso, a criação de instrumentos foi possibilitado graças ao investimento da eletricidade. Bem como o transporte de trem elétrico e avanços na comunicação foi possível com a eletricidade.

Invenções do período

Com a Segunda Revolução Industrial algumas invenções foram facilitadas, como:

  • Bateria química
  • Indução eletromagnética
  • Lâmpada de filamento
  • Tração elétrica
  • Motores elétricos
  • Cabo submarino de comunicações
  • Telefone
  • Telégrafo sem fio
  • Ondas de rádio

Você sabia?

  • A produção de alimentos se intensificou durante a Segunda Revolução Industrial. Isso porque,o carvão começou a ser utilizado como fonte de energia no lugar do petróleo;
  • Técnicas de produção agrícola também sofreram grandes avanços com a substituição do petróleo pelo carvão;
  • Um ponto negativo da Segunda Revolução foi o êxodo rural. Isso porque, a mão de obra foi substituída pela automatização do trabalho;
  • A Segunda Revolução consolidou o capitalismo como sistema econômico dominante;

Gostou de conhecer um pouco quais os motivos que levaram a ocorrência da Segunda Revolução Industrial? Então, aproveita o tema e mergulha nesses outros textos sobre a Revolução Verde e a Revolução Inglesa.

Fontes: Toda Matéria, Brasil Escola

Fonte imagem destaque: História online

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.