Biologia

Esqueleto axial – O que é, divisão, constituição e ligação dos ossos

No esqueleto axial estão oitenta osso na cabeça e no tronco do corpo humano, servindo para a sustentação do corpo e proteção dos órgãos internos.

Atualizado em 17/07/2019

O esqueleto axial é uma das divisões do corpo humano, posto que na outra parte está o esqueleto apendicular. Na formação do axial está a caixa craniana, a coluna vertebral, além da caixa torácica.

Ele é que protege o organismo, por ser o pilar central do sistema do esqueleto, além de defender os órgãos que estão dentro do corpo.

No crânio estão vinte e dois ossos. Já a caixa torácica é constituída pelas costelas e pelo osso esterno. Por fim, a coluna vertebral têm um total de 33 vértebras espalhadas e intercaladas por discos intervertebrais.

O Esqueleto Axial e o Esqueleto Apendicular

O esqueleto humano se divide em duas partes. Em uma está o esqueleto axial, em cuja formação entram a caixa craniana, coluna vertebral e a caixa torácica. Já no esqueleto apendicular estão a cintura escapular, a cintura pélvica e o esqueleto dos membros superiores, anteriores, inferiores ou posteriores.

Esqueleto axial – divisão, constituição, importância e ligação dos ossos

O esqueleto axial é aquele constituído por oitenta ossos, conquanto formado pelo crânio, a caixa torácica, além da coluna vertebral. A sua finalidade é de proteção do Sistema Nervoso Central, além dos órgãos que estão na região torácica.

Por tal razão, é ele que protege todo o organismo, posto que é o pilar central do nosso sistema esquelético. Há também o esqueleto apendicular, em cuja formação entram os membros superiores e inferiores. Ambos os esqueletos se unem por meio da cintura pélvica e escapular.

Os ligamentos são de suma importância da montagem do esqueleto, posto que mantêm os ossos no lugar. Tais ligamentos são cordões resistentes formados por tecido conjuntivo fibroso, unindo-se de forma consistente às membranas que revestem os ossos.

Os Ossos do crânio

Esqueleto axial – divisão, constituição, importância e ligação dos ossos

No esqueleto axial, os ossos do crânio são incumbidos de proteger o encéfalo, que é o centro do sistema nervoso central. O crânio é constituído por 22 ossos ao todo. No crânio frontal estão oito ossos; no parietal e no temporal, dois cada um; e um no frontal, occipital, esfenoide e etmoide.

Na face há quatorze ossos: no zigomático, maxilar, nasal, concha nasal inferior, palatino e lacrimal são dois ossos cada. Já no vômer e na mandíbula, apenas um osso em cada.

Valendo observar que só a mandíbula é móvel, auxiliando a boca no movimento de mastigação. Por fim, vale ressaltar o osso hioide, que tem a função de apoiar a musculatura da língua e do pescoço.

Os Ossos da Caixa torácica

Esqueleto axial – divisão, constituição, importância e ligação dos ossos

No esqueleto axial, a caixa torácica é composta pelas costelas e pelo osso esterno. Na costela se localizam um conjunto de doze ossos encurvados, a saber: sete verdadeiras, três falsas e duas flutuantes. As costelas são denominadas verdadeiras, posto que se ligam ao osso esterno, já as falsas se ligam entre si. Por fim, as costelas flutuantes não se ligam a qualquer outro osso.

Ressalte-se que o esterno é um osso de formato plano, por isso apresentando aspecto único e característico. Sua localização é a região ao centro da caixa torácica.

Os Ossos da Coluna Vertebral

Esqueleto axial – divisão, constituição, importância e ligação dos ossos

Na sustentação do esqueleto axial, a coluna vertebral contém um conjunto de 33 vértebras espalhadas umas sobre as outras, além de intercaladas por discos intervertebrais. São elas:

  • Vértebras Cervicais = sete vértebras;
  • Vértebras Dorsais ou torácicas = doze vértebras;
  • Vértebras Lombares = cinco vértebras;
  • Vértebras Sacrais = cinco vértebras fundidas;
  • Vértebra Coccígea = quatro vértebras fundidas.

No esqueleto axial, a coluna vertebral é tida como o eixo que sustenta o corpo É ela que suporta a estrutura corporal, além de ajudar na movimentação. Outra importante função da coluna vertebral é servir de eixo de comunicação entre o sistema nervoso central e periférico.

Leia também sobre o que é hereditariedade? DNA, recessividade, dominância e outros princípios básicos.

Fonte: Wikipédia, Anatomia, AFH, Brasil Escola, Toda Matéria, Ebah, Conhecimento Geral e Passei Direito.

Fonte das imagens: Yasminroohi, Wikipédia, Customize, Jornal da USP, Youtube.