Física & Química

Cadeias Carbônicas, o que são? Definição, principais tipos e característica

Cadeias carbônicas se configuram como a representação dos átomos de carbono e heterótomos que fazem parte da molécula de um composto orgânico.

Atualizado em 02/05/2020

De forma geral, a química orgânica é responsável por estudar os compostos orgânicos. Dentre as substâncias estudas estão os compostos formados por átomos de carbono. Assim, as estruturas que se formam a partir da união dos átomos de carbono são denominadas de cadeias carbônicas.

Por meio da junção de átomos, diferentes tipos de compostos orgânicos são formados. Com isso, cada composto possui uma característica específica dependendo da cadeia carbônica que o forma.

Como as cadeias carbônicas são estruturas encadeadas, átomos de outros elementos químicos também podem estar presentes nas cadeias, sendo denominados de heteroátomos. Para isso, precisam estar localizados entre os átomos de carbono.

Os elementos mais comuns, além do carbono, são: O, N, S, P.

Definição de cadeias carbônicas

Em síntese, as cadeias carbônicas são formadas por átomos de carbono e heteroátomos entre os carbonos. A representação dos átomos dentro da cadeia carbônica é feita, geralmente, por um traço (—) que liga os tipos de carbonos. Dessa maneira, os elementos são dispostos nas extremidades dos traços ou em pontos de inflexão.

Cadeias Carbônicas, o que são? Definição, principais tipos e característica
Cadeia carbônica formada apenas por átomos de carbono.

A cadeia carbônica se configura como a representação dos átomos de carbono e heterótomos que fazem parte da molécula de um composto orgânico. Dessa forma, a classificação de uma cadeia carbônica obedece à uma série de critérios que observam a disposição dos átomos de carbono até a natureza desses átomos.

Tipos de cadeias carbônicas

As cadeias carbônicas são classificadas levando em consideração alguns critérios. Ou seja, as cadeias são definidas a partir da disposição dos átomos de carbono, o tipo de ligação e a natureza dos átomos.

Em relação à disposição dos átomos, a cadeia carbônica se divide em:

  • aberta, alifática ou acíclica – formada por mais de duas extremidades e não possui ciclos na cadeia;
  • fechada ou cíclica – não apresentam extremidades e as ligações dos átomos formam um ciclo.

As cadeias fechadas ou cíclicas podem, ainda, se dividir em aromáticas (cadeias com anéis aromáticos, ou seja, contém ligação dupla alternada). Além disso, as cadeias aromáticas também se dividem entre mononucleares (apenas um núcleo) e polinucleares (presença de mais de um núcleo).

Cadeias Carbônicas, o que são? Definição, principais tipos e característica
Química Orgânica

Além do mais, as cadeias polinucleares podem apresentar núcleos sem o compartilhamento de átomos, ou seja, cadeias isoladas. Agora, quando o núcleo apresenta o compartilhamento de átomo, as cadeias recebem o nome de condensadas.

Outro tipo de cadeia fechada e não cíclica são as cadeias não aromáticas ou acíclicas. Em síntese, são cadeias fechadas que não apresentam ligação dupla alternada.

Cadeias Carbônicas, o que são? Definição, principais tipos e característica
Cadeias Carbônicas Homogêneas.

Enquanto isso, as cadeias normais e lineares são formadas por duas extremidades. Além disso, não apresentam ramificações. Já as cadeias ramificadas são formadas por três extremidades, ou mais, além de ramificações.

Outros tipos de classificação

Quando as cadeias carbônicas são analisadas de acordo com o tipo de ligação entre os átomos de carbono, elas se dividem em: saturada e insaturada. Assim, as saturadas possuem ligações simples nas estruturas, enquanto as insaturadas possuem, pelo menos, uma ligação dupla ou tripla na estrutura molecular.

Cadeias Carbônicas, o que são? Definição, principais tipos e característica
Cadeias carbônicas saturadas.

Por fim, as cadeias carbônicas podem ser classificadas de acordo com a natureza dos átomos. Assim, podem ser homogêneas ou heterogêneas. As cadeias homogêneas possem em sua estrutura apenas átomos de carbono. Enquanto isso, as cadeias heterogêneas são aquelas em que os heteroátomos estão presentes.

O que achou da matéria? Se gostou, corre pra conferir quais foram os Cientistas que marcaram a história e o que são Elementos Químicos.

Fontes: Info Escola, Brasil Escola e Manual da Química

Imagens: YouTube, Química Orgânica, Aprendendo Química Online

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.