História

Thomas Edison – Quem foi, biografia e principais inventos

Thomas Edison é reconhecido por ser um inventor nato, responsável por criações marcantes como a lâmpada elétrica incandescente e o mimeógrafo.

Atualizado em 29/08/2019

Thomas Edison foi um inventor, cientista e empresário estadunidense. Sobretudo, ele ficou conhecido pela criação da lâmpada elétrica incandescente, tendo assim papel fundamental na revolução tecnológica do século XX.

Conhecido como “Feiticeiro do Menlo Park”, Edison também é lembrado por ser um inventor nato, com diversas criações que transformaram sua época e inspiraram as gerações seguintes. Além do primeiro modelo de sucesso da lâmpada incandescente, é responsável pela invenção do fonógrafo, um aparelho que antecedeu gravadores e toca-discos. 

Com mais de 2.000 patentes em seu nome, Thomas Edison faleceu com 84 anos em West Orange, no estado de New Jersey, Estados Unidos, em 18 de outubro de 1931. Seus restos mortais estão sepultados no Edison National Historic Site, também em New Jersey.

Infância

Thomas Edison: saiba quem foi e conheça seus principais inventos
Residência em que Thomas Edison viveu na infância em Ohio, nos Estados Unidos

Thomas Edison nasceu em 11 de fevereiro de 1847. Seu nascimento ocorreu na cidade de Milan, Ohio, nos Estados Unidos.

Filho de Samuel Edison e Nancy Eliot Edison, o futuro inventor nem sempre foi considerado brilhante. Já na infância, apresentava problemas de aprendizagem. Esse cenário só mudou quando, após desistir de estudar na escola de Port Huron, a mãe, uma ex-professora, passou a lhe ensinar em casa.

Desse modo, começou a ler muitos livros e assuntos de seu interesse. Nesta mesma época, o pequeno Thomas montou um pequeno laboratório de química no sótão de casa. Sua capacidade intelectual se mostrou bastante desenvolvida já aos 12 anos, quando aprendeu o alfabeto morse e começou a construir telégrafos rudimentares.

Dois anos depois, Edison sofreu um acidente ao descer de um trem em movimento. O futuro inventor trabalhava na locomotiva, onde produzia e tipografava  seu próprio jornal. Com o tempo, o acidente foi lhe tirando a audição. Além disso, as explosões geradas por seus experimentos só agravaram o problema posteriormente.

Primeiras patentes de Thomas Edison

A primeira invenção de Thomas Edison veio em 1868. Após vagar pelas cidades atrás de emprego, o jovem estadunidense produziu um cotador aumentado de votos. Chegou a patentear o aparelho, mas não teve sucesso com o público.

No ano seguinte, Edison se muda para Nova York sem dinheiro algum. Com o intuito de se tornar um grande inventor, trabalhou na criação de um indicador automático de cotações da bolsa de valores. Ao contrário do contador de votos, este invento lhe rendeu muito dinheiro, sendo 40 mil dólares o valor total de sua venda.

Passadas suas dificuldades financeiras, Thomas Edison montou, em 1873, um grande laboratório em West Orange, Nova Jersey. Neste espaço, ele patenteou uma máquina de escrever, futuro mimeógrafo, e aperfeiçoou o microfone. Essa medida ajudou a por em prática o telefone inventado posteriormente por Graham Bell.

Lâmpada elétrica

Thomas Edison: saiba quem foi e conheça seus principais inventos

Em 1879, após realizar 1.200 experiências, Thomas Edison inventou a lâmpada elétrica incandescente. Antes dele, vários cientistas tentaram o mesmo invento, mas não obtiveram sucesso. O maior problema estava em encontrar um filamento que chegasse a brilhar, porém não queimasse com a passagem de carvão.

Pensando nisso, o inventor utilizou filamento de carvão, posto dentro de um bulbo de vidro do qual se havia extraído o ar. Logo, em outubro de 1879, Edison conquistou um grande feito: a primeira lâmpada elétrica se manteve acesa ao longo de 48 horas seguidas. Nos anos seguintes, ele aperfeiçoou sua invento para que iluminasse o ambiente por mais tempo. Com o êxito, Edison registrou o produto e iniciou a comercialização.

Principais inventos de Thomas Edison

Além da revolucionária lâmpada elétrica, o inventor revolucionou mercados diversos, com ideias (a maior parte relacionadas a eletricidade) que, sobretudo, visavam tornar mais ágeis, agradáveis e eficazes procedimentos cotidianos. Conheça os principais inventos de Thomas Edson:

Caneta Elétrica (1875)

Thomas Edison: saiba quem foi e conheça seus principais inventos

Em 1875,sem saber exatamente a finalidade, Thomas Edison patenteou uma caneta elétrica de estêncil, objeto que escrevia perfurando o papel. No entanto, em 1891, Samuel O’Reilly adicionou um reservatório de tinta à caneta de Edison, criando, assim, uma ferramenta para fazer tatuagens.

Mimeógrafo (1877)

Thomas Edison: saiba quem foi e conheça seus principais inventos

A caneta elétrica também ganhou utilidade ao ser usada para criar os “originais” perfurados. Esses itens serviriam para a impressão de cópias no mimeógrafo, antecessor das copiadoras e impressoras.

Fonógrafo (1877)

Thomas Edison: saiba quem foi e conheça seus principais inventos

Visando criar um aparelho que registrasse as últimas palavras dos mortos, Thomas Edison investiu tempo e dinheiro para criar o fonógrafo. Esse produto, por sua vez, foi antecessor dos gravadores e toca-discos. O aparelho era feito de um cilindro coberto com papel alumínio.

Para gravar, uma ponta pressionava o metal através de um diafragma conforme o cilindro era girado manualmente, e o dono da voz ia falando no bocal. A ponta, então, era substituída por uma agulha ligada a uma concha amplificadora e, quando o cilindro era girado, a agulha “lia” o metal, reproduzindo os sons gravados.

Lâmpada elétrica incandescente (1879)

Thomas Edison: saiba quem foi e conheça seus principais inventos

Thomas Edison foi o 23º a tentar criar luz elétrica. Em 1831, ele se desafio a fazê-lo e passou anos criando protótipos que deram errado.

Finalmente, em 1879, ele conseguiu fazer sua lâmpada permanecer acesa por 48 horas. Antes de seu principal invento, a iluminação das ruas e casas, quando havia, esta alimentada por gás.

Embalagem a vácuo (1881)

Thomas Edison: saiba quem foi e conheça seus principais inventos

Edison antecipou o sistema das embalagens fechadas a vácuo. Em seu experimento, alguns alimentos eram colocados em um recipiente de vidro, e todo o ar interior era sugado por uma bomba. Depois, o recipiente era lacrado com tampa de vido.

Bateria de carro (1901)

Thomas Edison: saiba quem foi e conheça seus principais inventos

Outra ideia importante do “gênio da lâmpada” foi a bateria de níquel-ferro. Isso porque esse material era mais eficiente que as de ácido de chumbo usadas na época.

Ademais, as baterias causavam menos impacto ambiental e eram recarregadas mais rapidamente, servido para fornecer energia aos primeiros automóveis.

Roda de borracha (1904)

Thomas Edison: saiba quem foi e conheça seus principais inventos

A roda é considerada um das invenções mais importantes da história da humanidade. Porém, até 1904, as rodas mais práticas eram feitas de madeira, o que gerava trancos e solavancos ao longo das viagens de carroças.

Thomas Edison teve a ideia de revestir as rodas com borracha e, assim, melhorar seu desempenho e segurança, melhorando o atrito entre a roda e o chão. A invenção abriu caminho para outras criações.

Quer saber mais sobre invenções históricas? Leia Invenções que mudaram o mundo criadas por mulheres

Fontes: Toda Matéria, EnfoquenetBol e Biografias.

Fonte de Imagens: Libros Marabillosos, Fatos Desconhecidos e Bol.