Geografia

Já ouviu falar em dobramentos modernos? Saiba o que são e onde ficam

Os dobramentos modernos são formações geológicas mais recentes, situadas entre placas tectônicas, e que originaram as maiores montanhas do planeta.

Atualizado em 29/01/2019

Os dobramentos modernos (ou Terciários) são formações geológicas constituídas por rochas magmáticas e sedimentares. São caracterizados por serem mais recentes e pouco resistentes.

Eles foram atingidos duramente por forças tectônicas na ocorrência do Período Terciário, sendo que isso causou um enrugamento. Dessas ocorrências originaram as cordilheiras ou cadeias montanhosas, que são as maiores elevações da Terra.

Os dobramentos modernos se localizam em área de instabilidade, posto que ali ocorrem constantes terremotos e erupções vulcânicas.

Nos dobramentos modernos estão as mais altas montanhas do mundo

Histórico dos dobramentos modernos

Os dobramentos modernos são igualmente conhecidos como dobramentos terciários ou cadeias orogênicas. Eles são uma forma de estrutura geológica recentemente formada, sendo que correspondem às grandes cadeias de montanhas.

São exemplos de dobramento moderno, a saber: a Cordilheira dos Andes, na América do Sul, e os Alpes, na Europa. Mas tem também as Montanhas Rochosas, na América do Norte, e a Cordilheira do Himalaia, na Ásia.

Por consequência do choque entre duas placas tectônicas é que se formaram os dobramentos modernos. Isso se deu durante o Período Terciário, ou seja, antes de 150 milhões de anos atrás, o que é geologicamente recente.

Eles ainda passam por processo de erosão que vai modelando lentamente sua formas, sendo um exemplo os alpes pontiagudos. Diferente são os dobramentos antigos, como no terreno brasileiro, que tem montanhas arredondadas e planaltos.

Sua ocorrência no mundo

Importante ressaltar que no Brasil não encontramos dobramentos modernos, posto que o país está no meio de uma placa tectônica. Devido a isso não há a ocorrência da instabilidade dos terremotos, que são típicos desse tipo e formação.

O dobramento moderno mais comprido do mundo é a Cordilheira dos Andes, localizado na América do Sul. Ela possui 8 mil quilômetros de extensão e seu pico mais alto é o Monte Aconcágua, com 7 mil metros de altitude.

Nos dobramentos modernos estão as mais altas montanhas do mundo

Outro exemplo de dobramento moderno são os Alpes, que se localizam na região central da Europa e são uma considerável cadeia de cordilheiras. Também podemos citar os Montes Urais, entre a Rússia e o Cazaquistão, separando a Europa da Ásia.

Na América do Norte, os dobramentos modernos estão nas Montanhas Rochosas, situadas no Canadá e nos Estados Unidos. Já na Ásia, a Cordilheira do Himalaia é a mais alta do mundo e abarca vários países, como Índia, China e Paquistão.

Por fim, na África se encontra a Cordilheira do Atlas bem na Região Noroeste do continente e abrangendo Marrocos, Argélia e Tunísia.

Legal ler sobre os dobramentos modernos, não é? Conheça também uma matéria sobre o que são placas tectônicas e como elas modelam o planeta Terra.

Fonte: Wikipédia, Brasil Escola, Sua Pesquisa, Mundo Educação, Info Escola, Toda Matéria, Alunos Online, Escola e Educação.

Fonte das imagens: Paisagens DeslumbrantesWander Lust, Mundo ao Minuto.