Física & Química

Funções Orgânicas, o que são? Definição, principais funções e estruturas

Funções orgânicas são grupos de compostos orgânicos que têm comportamento químico similar, devido ao grupo funcional à qual pertencem.

Atualizado em 08/04/2020

Na química orgânica, existem diversas substâncias que são separadas em grupos para melhor entendimento dos compostos. Assim, existe o grupo das funções orgânicas e inorgânicas. Logo, as funções orgânicas compreendem hidrocarbonetos, álcoois, fenóis, aldeídos, cetonas, ácidos carboxílicos. Além disso, ésteres, éteres, aminas, nitrocompostos e haletos orgânicos também fazem parte do grupo.

Em síntese, os compostos orgânicos são separados para que os estudos sobre cada função possa ser aprofundado. Além disso, cada função orgânica possui um grupo funcional característico. Ou seja, são grupos de composições orgânicas que se assemelham em suas propriedades.

Dessa forma, os compostos que pertencem as mesmo grupo desenvolvem atividades semelhantes ou se comportam de maneira parecida. Além disso, a semelhança na composição é possível por conta da presença de átomos nas estruturas dos compostos químicos. Ou seja, são denominados de grupo funcional.

Funções orgânicas

Em síntese, as funções orgânicas são caracterizadas pelas estruturas que possuem compostos químicos com características semelhantes. Assim, são formados por átomos de carbono, denominados também de compostos carbônicos. Visto isso, cada substância possui uma nomenclatura específica definida pela IUPAC.

Funções Orgânicas, o que são? Definição, principais funções e estruturas
Funções orgânicas possuem compostos com estruturas semelhantes. Fonte: Inside Business

Logo, dentre as principais funções orgânicas estão:

Hidrocarbonetos

De forma geral, são caracterizados por possuir o carbono e o hidrogênio em seus compostos. Dentre eles, estão:

  • Alcano – possui apenas ligações simples. Além disso,  possui como fórmula geral: CnH2n + 2;
  • Alceno – caracterizado por possuir uma ligação dupla. Logo, a fórmula geral é composta por: CnH2n;
  • Alcadieno – caracterizado por possuir duas ligações duplas. Visto isso, a fórmula geral é composta por: CnH2n – 2;
  • Alcino – molécula que possui uma ligação tripla. Além disso, a fórmula geral é: CnH2n – 2;
  • Ciclano – possui em sua composição o composto cíclico. Dessa forma, é formado por ligações simples. Além disso, a fórmula geral: CnH2n;
  • Aromático – anel benzênico. Fórmula geral: variável

Funções oxigenadas

Em síntese, são caracterizadas pela presença de oxigênio em sua estrutura química.

Funções Orgânicas, o que são? Definição, principais funções e estruturas
As funções oxigenadas estão entre as mais importantes funções orgânicas. Fonte: Descomplica

Visto isso, estão:

  • Ácido carboxílico – possui um radical carboxílico ligado à cadeia carbônica. Além disso, a fórmula geral é: R—COOH;
  • Álcool – possui o composto hidroxila ligada à cadeia carbônica. Logo, a fórmula geral é: R—OH;
  • Aldeído – na estrutura possui o carbonila ligada à extremidade da cadeia carbônica;
  • Cetona – possui a carbonila ligada à duas cadeias carbônicas;
  • Éster – na composição química possui um radical éster ligado à duas cadeias carbônicas;
  • Éter – possui um átomo de oxigênio entre as cadeias carbônicas. Além disso, a fórmula geral é: R1—O—R2;
  • Fenol – formado por hidroxila que está ligada ao anel aromático. Além disso, a fórmula geral é: Ar—OH.

Funções nitrogenadas

De forma geral, as funções nitrogenadas são caracterizadas pela presença de átomos de nitrogênio na composição química.

Funções Orgânicas, o que são? Definição, principais funções e estruturas
Funções nitrogenadas possuem nitrogênio em sua composição. Fonte: Descomplica

Visto isso, temos:

  • Amina – dividida em grupos dependendo da composição química. Assim, podem ser primárias, secundárias, terciárias ou aromáticas;
  • Amida – possui um radical amida ligado à cadeia carbônica;
  • Nitrocomposto – dividido em alifático e aromático. Ou seja, o alifático tem um radical nitro ligado à cadeia carbônica. Por outro lado, o aromático possui um radical de nitro ligado ao anel aromático;
  • Nitrila – possui um radical nitrila ligado à cadeia carbônica. Logo, a fórmula geral é composta por: R—CN

Funções halogenadas

Em síntese, as funções halogenadas são classificadas pela presença de átomos de cloro, flúor. Além disso, possuem bromo ou iodo na cadeia carbônica. Dentre elas, estão:

  •  Haleto de alquila – possui halogênio ligado à cadeia carbônica. Dessa forma, a composição é formada por R—X;
  • Haleto de arila – possui halogênio ligado ao anel aromático. Logo, a fórmula é definida da seguinte maneira:  Ar—X.

Nomenclatura

A nomenclatura utilizada nas composições são definidas através da União Internacional de Química Pura e Aplicada (IUPAC). A partir disso, seguem definições que estão relacionadas ao prefixo, uma palavra de intermédio e um sufixo.

Funções Orgânicas, o que são? Definição, principais funções e estruturas
Tabela de Nomenclatura. Fonte: Professor Renan

Nesse sentido, os sufixos são estabelecidos levando em consideração o número de átomos que o carbono possui. Por outro lado, o intermédio está relacionado ao tipo e ligação que os átomos estabelecem. Por fim, o sufixo é responsável por indicar a função orgânica do composto.

Assim, observe o exemplo:

  • Nomenclatura: Butano
  • Prefixo BUT: 4 carbonos
  • Intermediário AN: ligações simples
  • Sufixo O: função hidrocarboneto

O que achou da matéria? Se gostou, corre pra conferir o que são Reações Orgânicas e como ocorre a Oxidação.

Fontes: Toda Matéria, Brasil Escola e Stoodi

Fonte imagem destaque: Chemical risk

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.