História

Dom Pedro II, biografia do segundo e último imperador do Brasil

Dom Pedro II foi o segundo e também o último Imperador do Brasil, tendo sido deposto pela Proclamação da República. No seu reinado o país prosperou muito.

Atualizado em 09/09/2019

Dom Pedro II foi o segundo e último Imperador do Brasil, tendo governado de 1831 até 1889. Ele era chamado de “O Magnânimo”, inclusive tendo administrado o Brasil por quase seis décadas.

Durante o seu governo o Brasil se desenvolveu, inclusive com a implantação do telégrafo e inauguração da primeira ferrovia.

Foi deposto pela Proclamação da República em 15 de novembro de 1889, seguindo para o exílio onde faleceu.

Os primeiros anos de vida

Dom Pedro II nasceu em 2 de dezembro de 1825, no Palácio da Quinta da Boa Vista no Rio de Janeiro. Ele era filho de Dom Pedro I, o primeiro Imperador do Brasil, e de Dona Maria Leopoldina. O nome completo tinha dezessete palavras.

Conheça a história de Dom Pedro II, o segundo Imperador do Brasil

Desde criança ele carregou o fardo da responsabilidade, posto que tocou à sua pessoa governar o Brasil. E ele teve uma vida bastante solitária, já que ficou órfão de mãe com um ano de idade e do pai, com nove.

Aos seis anos de idade ele foi deixado sozinho no Brasil, já que seu pai, havendo abdicado, seguiu para o exílio. O filho foi então nomeado príncipe regente com apenas cinco anos de idade.

Os responsáveis por sua tutela, entretanto, cuidaram para que tivesse uma exemplar educação. Seus tutores foram José Bonifácio de Andrade e Silva e Manuel Inácio de Andrade Souto Maior. Ele herdou o trono porque seus irmãos mais velhos haviam falecido.

O Segundo Reinado

A Constituição de 1824 tinha uma cláusula que estipulava a idade mínima de 21 anos para alguém ascender ao trono. Só que, durante as Regências, o Brasil passou por muitas revoltas e tumultos. Era urgente que o herdeiro da Coroa assumisse de vez suas funções.

Conheça a história de Dom Pedro II, o segundo Imperador do Brasil

O Partido Liberal, então, articulou a antecipação da maioridade, posto que desejava pôr fim ao Período Regencial. Dom Pedro II subiu ao trono no dia 23 de julho de 1840, quando tinha somente 15 anos de idade. Era o Golpe da Maioridade.

Com isso chegou ao fim o Período Regencial (1831-1840), posto que se iniciou o Segundo Reinado. Dom Pedro II governaria o Brasil por 49 anos, ou seja, de 23 de julho de 1840 até a Proclamação da República, em 15 de novembro de 1889.

Um Imperador dinâmico

Dom Pedro II se casou com Teresa Cristina Maria de Bourbon, em 30 de maio de 1843. Ela era filha de Francisco I, Rei das Duas Sicílias, e de Maria Isabel de Espanha. Eles tiveram quatro filhos, só que apenas as filhas Isabel e Leopoldina chegaram à idade adulta.

Sua administração foi proveitosa para o Brasil, posto que houve desenvolvimento social e econômico. Iniciou-se o serviço de telégrafo, assim como foi inaugurada a primeira ferrovia.

Conheça a história de Dom Pedro II, o segundo Imperador do Brasil

Foram criadas diversas leis abolicionistas, a exemplo da Lei Eusébio de Queirós (1850). Também surgiram a Lei do Ventre Livre (1871), a Lei dos Sexagenários (1887), assim como a Lei Áurea (1888).

Dom Pedro II gostava de viajar, e o fez para muitos lugares no Brasil, assim como no exterior. Era um grande apreciador das novidades tecnológicas e sonhava trazê-las para seu país. Sempre que se ausentava, ficava em seu lugar sua filha Isabel, que acabou assinando as leis abolicionistas do Ventre Livre e Áurea.

Sua administração enfrentou várias revoltas, dentre elas a Revolta dos Liberais (1842), em Minas Gerais e São Paulo. Como também a Guerra dos Farrapos (1845), no Rio Grande do Sul, assim como a Revolução Praieira (1848), em Pernambuco.

Ele saiu vitorioso de conflitos internacionais, como a Guerra do Prata em 1850. Lutou também na Guerra do Uruguai em 1864, bem como na Guerra do Paraguai (1865).

A deposição e o exílio

Um dos pilares que sustentavam o Império era o apoio das oligarquias agrárias. A Abolição da Escravatura desagradou a ira dos fazendeiros, que passaram a conspirar ideias republicanas. O Exército também estava descontente, deixando assim de apoiar o Imperador.

Conheça a história de Dom Pedro II, o segundo Imperador do Brasil

A soma de vários fatores levou à Proclamação da República em 15 de novembro de 1889, o que resultou no seu exílio na Europa. Dom Pedro II faleceu em Paris, na França, em 5 de dezembro de 1891, vítima de pneumonia, aos 66 anos.

Leia também sobre a história de Dom Pedro I, quem foi e a biografia do 1º Imperador do Brasil.

Fonte: Wikipédia, Colégio Dom Pedro II, Info Escola, Toda Matéria, Brasil Escola, Monarquia, Só História, eBiografia, Aventuras na História, Escola Kids.

Fonte das imagens: History, Wikipédia, Wikipédia, Wikipédia.