Outros assuntos

Você comeria uma panqueca com desenhos do seu próprio rosto?

Imagine pedir uma comida e ela vir com seu rosto desenhado? Veja como essa tecnologia se tornou possível e quanto tempo levaria esse processo.

Atualizado em 16/11/2015

Imagine chegar num restaurante e pedir para o garçom: “Eu gostaria de pedir uma panqueca, por favor“. Momentos depois, chega em sua mesa um prato, com a panqueca pedida e uma surpresa: seu próprio rosto impresso na comida. Você teria coragem de comer?

Se você acha que isso está no plano da ficção, engana-se. Já existe sim uma forma de imprimir, com certa riqueza de detalhes, uma série de desenhos em alimentos. A gastronomia está ficando cada vez mais sofisticada. E impressões realistas podem fazer parte dessas inovações.

A ideia está sendo possível graças aos esforços de uma empresa britânica, que criou uma impressora 3D que se baseia em diferentes camadas de massas para aplicar, em diferentes etapas do cozimento, objetivando chegar no desenho escolhido. Dessa forma, a massa mais ou menos assada da o “tom” especial desejado. Quanto mais assado, mais escuro. Isso segundo a empresa Kinneir Dufort.

Mas quem seria responsável por captar a imagem do meu rosto? Como seria esse processo?

Pancake2

A tecnologia utilizada nesta etapa vem de um aparelho já muito conhecido entre todos nós: uma câmera digital. Essa câmera ficaria responsável por fazer um reconhecimento facial integrado, depois disso um software de rastreamento fariam as marcações para assar a massa nos locais exatos, objetivando recriar seu rosto na comida.

OK, a ideia é boa, mas quantas horas eu precisaria ficar esperando o alimento com meu rosto?

panqueca21

Aí vem a melhor parte da notícia. Todo o processo de captura da imagem do seu rosto e rastreamento com instrumentos necessários para imprimir a imagem desejada tudo MENOS de 5 minutos. Ou seja, a diferença de tempo real entre imprimir uma panqueca com ou sem seu rosto seria de menos do que cinco minutos. Vale a pena não é mesmo?

Se ainda está em dúvida se vale ou não a pena aderir a essa nova tecnologia, confira o vídeo das Panquecas do Beatles e tire suas dúvidas:

Fonte: Hypeness e Electrolux Brasil
Crédito Imagens: Divulgação/Reprodução Youtube Nathan Shields