Outros assuntos

Números primos, o que são, como identificá-los e para que são usados

Descobertos desde a Antiguidade, os números primos foram calculados por muitos matemáticos, sendo hoje empregados na segurança de dados virtuais.

Atualizado em 27/12/2019

Os Números Primos podem ser definidos como os números naturais maiores do que 1, mas com somente dois divisores. Isso significa dizer que eles são divisíveis por 1 e por apenas eles mesmos.

Na Grécia Antiga foi calculada uma forma que possibilitou chegar aos números primos. Essa equação matemática passou para a História com o nome de “Crivo de Eratóstenes”.

Hoje os números primos têm muitas aplicações, inclusive na segurança de envio de dados virtuais. Desde as informações de sua conta bancária quanto suas mensagens de WhatsApp são criptografadas com números primos.

Teoria dos Números

Dentro da chamada Teoria dos Números está o Teorema Fundamental da Aritmética. Nele consta que todo número natural, acima de 1, ou é primo ou pode ser grafado de forma única.

Uma ressalva deve ser feita quando se deseja encontrar os números primos, ou os fatores primos. Aplica-se aí um processo de decomposição dos números, chamado de fatoração. Entre 1 e 1000 podemos encontrar 168 números primos, a saber:

Saiba o que são os números primos e como são aplicados nos dias atuais

Fatoração

Na fatoração há a resolução dos números em fatores primos, onde podemos citara:

  • 3 = 3 x 1
  • 4 = 2 x 2
  • 8 = 2 x 2 x 2
  • 9 = 3 x 3

Saiba o que são os números primos e como são aplicados nos dias atuais

Que é o Crivo de Eratóstenes?

Primeiramente é importante lembrar que Eratóstenes (285-194 a.C.) foi um matemático da Grécia Antiga. Sua contribuição para a História foi montar uma forma de se chegar aos números primos.

Trata-se de uma equação que ficou conhecido como “Crivo de Eratóstenes”.

Esse esquema é exposto numa tabela, que é composta de números naturais. Assim, o método utilizado é primeiramente encontrar o primeiro número primo da tabela.

Depois, deve-se marcar todos os múltiplos desse número, posto que daí é possível repetir essa operação até o último.

Saiba o que são os números primos e como são aplicados nos dias atuais

A aplicação dos números primos na criptografia

A criptografia é uma forma de transmissão segura de dados, além de informações sigilosas. Isso se dá por meio de canais de comunicação, que podem ser interceptados.

Nos dias atuais, é crescente a utilização da rede mundial de computadores para transações. As pessoas acessam de seus Smartfones a conta bancária, estando assim sujeitas a hackers.

Com a criptografia isso se torna praticamente impossível, posto que os dados se “embaralham” virtualmente. Um dos métodos de criptografia mais empregados é o RSA, que impossibilita fatorar números grandes em fatores primos.

Saiba o que são os números primos e como são aplicados nos dias atuais

Você sabia?

O termo “primo” significa “primeiro”. Só há um número primo par, que é o dois., já o 1 só tem um divisor e portanto não é primo.

O número primo de maior gradeza já encontrado tem mais que 23 milhões de dígitos, calculado Jonathan Pace em 2017.

Lei também sobre o Buraco negro, o que é, como se forma e o que diz a teoria.

Fonte: Só Matemática, Toda Matéria, Wikipédia, Brasil Escola, Mundo Educação, Mundo Vestibular, Matemática Básica, Info Escola, Alunos Online, MEC.

Fonte das imagens: Elo 7, Youtube, Mundo Hacker, 123RF, Grupo Escolar