História

Tríplice Entente, o que foi? Conceito, formação e países aliados na guerra

A Tríplice Entente foi um acordo político, econômico e militar, criado em 1907, como forma de barrar o expansionismo da Tríplice Aliança.

Atualizado em 15/10/2020
Por Dayane Borges

Quando se fala em Tríplice Entente o primeiro pensamento que vem à mente é o contexto da Primeira Guerra Mundial.

De fato, as alianças formadas por países rivais intensificaram a guerra, mas a união das potências que possuíam os mesmos ideais ocorreu, primeiramente, de forma diplomática.

Ou seja, a criação da Tríplice Entente teve um único objetivo: retardar o avanço do bloco rival, a Tríplice Aliança.

Sendo assim, a Tríplice Entente foi formada, em 1907, pela França, Rússia e Inglaterra, a fim de combater o expansionismo da Itália e Áustria, países membros da Tríplice Aliança, formada em 1882.

De forma geral, as alianças entre os países serviam como forma de proteção entre cada Nação. Ou seja, o sistema de alianças tinha fins diplomáticos e estabelecia estratégias em caso de ataques vindos de rivais.

Contexto histórico

A criação da Tríplice Entente antecede o contexto da Primeira Guerra, onde as potências europeias do século XX disputavam questões imperialistas relacionadas à corrida armamentista.

O avanço da tecnologia bélica, naquela época, foi um dos pilares para que os países começassem a disputador território e poder.

Tríplice Entente, o que foi? Conceito, formação e países aliados na guerra
Todo Estudo

Ou seja, um dos principais motivos que levaram ao início da Guerra foi o processo de expansionismo dos países, especialmente da Alemanha. Os alemães, impulsionados por onda de conquistas imperiais, começaram a se tornar a principal referência industrial da Europa.

Por conta do crescimento alemão, as demais potências europeias começaram a se incomodar. O poder adquirido ao longo do século XIX fez com o que, junto da Áustria e Itália, a Alemanha formasse a Tríplice Aliança, em 1882.

Sendo assim, a Tríplice Entente – formada por França, Rússia e Inglaterra – foi criada com o intuito de retardar o expansionismo alemão e dos demais países que faziam parte da aliança.

Antes mesmo da criação da Tríplice Entente, outras alianças surgiram, como a Aliança Franco-Russa, em 1891; a Entente Anglo-Russa, criada em 1907; e a Entente Cordiale, aliança criada, em 1904, entre França e Inglaterra.

A formação oficial da Tríplice Entente só se concretizou, após França e Inglaterra pressionarem a Rússia para que fizesse parte da aliança diplomática. O interesse francês e inglês sobre a entrada dos russos foi premeditado, já que a Rússia estava localizada em um lugar estratégico.

Formação da Tríplice Entente

A Tríplice Entende foi uma aliança militar constituída pela Rússia, Império Britânico e a República Francesa. A aliança surgiu, ainda no século XIX, como tentativa de barrar o expansionismo do bloco opositor, a Tríplice Aliança.

Tríplice Entente, o que foi? Conceito, formação e países aliados na guerra
Greelane

Sendo assim, a Tríplice Entente era formada pelos opositores à Alemanha que, naquela época, apresentava ser uma ameaça para os demais países europeus. Isso porque, o país já havia iniciado o processo de expansionismo, no qual as vitórias e conquistas já faziam parte do repertório alemão.

O que as potenciais mundiais da época temiam era que a Alemanha, por conta do poder que vinha adquirindo, se tornasse a principal detentora do comércio internacional, expandindo sua área e, com isso, aumentando ainda mais o poder do império alemão.

Primeira Guerra Mundial

A Primeira Guerra Mundial teve início após vários desentendimentos entre os países europeus, principalmente Áustria e Sérvia, em 1914. As alianças entre as potências europeias, apesar de terem sido criadas para fins democráticos, foram parte crucial dos embates bélicos na guerra.

National Geographic

A rivalidade entre os países ficou ainda mais acentuada por conta de interesses econômicos e políticos que já envolviam a Europa. Para piorar a situação, um ano após o início da Primeira Guerra, a Itália deixou a Tríplice Aliança para fazer parte da Tríplice Entente.

A mudança ocorreu através do Tratado de Londres, assinado em 1915. De fato, no início da Guerra, o lado que detinha maior poderio bélico era a Tríplice Aliança, apesar da Alemanha possuir mais recursos expansionistas, o país sofreu inúmeras derrotas.

Assim, com o território alemão cada vez mais ameaçado, os aliados da Alemanha começaram a se render e a aliança foi perdendo força. O fim da Guerra só veio, em 1918, quando a Alemanha assinou o Tratado de Versalhes, colocando fim nos conflitos mundiais.

Aliados da Tríplice Entente

Como a Alemanha era o principal alvo da Tríplice Entente, vários países se uniram como aliados contra Alemanha e Áustria, consideradas as potências centrais no início da Primeira Guerra.

Tríplice Entente, o que foi? Conceito, formação e países aliados na guerra
Reunião das potências europeias para o Tratado de Versalhes.

Com o desenrolar dos conflitos, outros países aderiram à Tríplice Entente, sendo eles:

O que achou da matéria? Se gostou, confira também o que foi o Holocausto e quais as características do Nazismo.

Fontes: Toda Matéria, Info Escola e Estudo Prático

Imagens: Greelane, Todo Estudo, Greelane, National GeographicCasa dos Resumos 

Próxima página »