História

Totalitarismo – Saiba o que significa, os principais tipos e características

Totalitarismo, ou regime totalitário, remete à ideia de controle sobre a sociedade. Pode ser praticado por um líder, grupo ou partido.

Atualizado em 16/08/2020
Por Dayane Borges

Totalitarismo ou regime totalitário são conceitos comuns em períodos como as guerras mundias, a Guerra Fria e tantas outras. Em síntese, totalitarismo se remete a ideia de controle sobre a sociedade, em que se sujeita a seguir normas e leis.

Nesse sentido, o totalitarismo pode ser praticado por um líder, um grupo ou, até mesmo, um partido. Com isso, meios de comunicação são constantemente controlados por não haver liberdade de expressão e escolas são obrigadas a seguir ideais de beneficiam as leis do líder ou partido.

Ou seja, o que é permitido durante um regime totalitário são as ideias que os líderes disseminam. Assim, liberdade religiosa também é proibida, a não ser que a gerência da igreja seja favorável ao governo.

Totalitarismo - Saiba o que significa, os principais tipos e características
Fonte: Estudo Kids

Origem do Totalitarismo

O conceito de totalitarismo surgiu logo após o fim da Primeira Guerra Mundial, quando os países se recuperavam dos desestres causados pelos conflitos.

Portanto, um dos fatores que influenciaram líderes de governos a adotarem medidas totalitárias eram as crises que se instalavam. Dessa forma, partidos políticos acreditavam que adotando tais medidas os desempregos e a miséria fossem amenizados.

Por consequência, um motivo que agravou as crises que viam se instalando foi a Crise Mundial de 1929. Assim, o que teve início nos Estados Unidos acabou se espalhando por todo o mundo. Logo, foi colocado em evidência o início de um capitalismo frustado e queda do liberalismo.

Totalitarismo - Saiba o que significa, os principais tipos e características
Fonte: Revista Fórum

Dessa maneira, se aproveitando da crise e do desespero que se instalava na população, líderes nacionais viram a oportunidade perfeita. Assim, planos de dominação foram colocados em prática. Desse modo, os ideais de dominação eram baseados no sentimento de nacionalismo. Sendo assim, um dos principais exemplos foi o Nazismo alemão.

Porém, o nazismo alemão não foi a primeira representação do totalitarismo no mundo. Sendo assim, o regime totalitário surgiu durante a Primeira Guerra Mundial com Josef Stalin, em 1919. Dessa forma, foi durante a Revolução Comunista na Rússia, com o Stalinismo soviético, que as primeiras manifestações de total poder sobre a população surgiram.

Totalitarismo x Autoritarismo

O Autoritarismo busca formas de poder baseadas no controle do Estado em República ou União. Assim, se utiliza de ideias extremista para consolidar o poder exercido.

Além disso, o autoritarismo é exercido por um grupo e não apenas por um líder, como no totalitarismo. Assim, o objetivo do governo autoritário é exercer domínio sobre a maior parte possível de um país.

Todavia, o autoritarismo, muitas vezes, possui a aparência de uma democracia, porém todos os meios de comunicação são controlados, além de não existir uma ideologia que seja vista como o futuro de uma nação. Porém, no totalitarismo a ideologia que gere todo o sistema é um ponto marcante.

Governo totalitário de esquerda e direita

As duas formas de governo se assemelham em relação a total dominação exercida sobre a população. Porém, o ponto que diferencia o totalitarismo de esquerda do totalitarismo de direita são as ideologias políticas que são praticadas.

Totalitarismo - Saiba o que significa, os principais tipos e características
Hitler e Stálin. Fonte: Forte

Existem três governos que se destacam nessas duas classificações de totalitarismo. Nesse sentido, o Stalinismo seria um exemplo de ideais de esquerda; Nazismo e Fascismo se enquadram em ideias de direita. Veja porque:

As ideias de dominação do Stalinismo se caracterizam, principalmente,  por:

  • promover o fim da propriedade privada;
  • produção agrícola e comercial obrigatoriamente coletiva;
  • abolir a religião do meio político;
  • estar baseado nos ideias do Socialismo.

Já o Nazismo e o Fascismo se caracterizam por:

  • ter apoio da burguesia;
  • preservar os valores ideológicos tradicionais do país (religião, família, etnia, etc);
  • ter forte apoio do clero;
  • manter as organizações sindicais sob extremo controle do Estado ou, em muitos casos, proibindo / extinguindo esses grupos.

Nesse sentido, por mais que existam características que diferenciam as formas de governos totalitários de esquerda e direita, os pontos principais de um governo totalitário ainda permanecem. Visto isso, podemos citar o controle dos meios de comunicação, militarismo, nacionalismo, existência partido único e etc.

Regimes totalitários no Brasil

No Brasil o regime totalitário não existiu. Logo, o que se instalou no país foram ideais autoritários como o Estado Novo, de Getúlio Vargas, e a Ditadura Militar, 1964-1965.

Nesse caso, ambos governos praticavam a censura, a perseguição, tortura e execução dos civis que iam contra o governo.

Características do Totalitarismo

Fonte: Todo Estudo

Um governo, nação ou líder, para ser considerado totalitário, deve seguir uma série de características que definem esse tipo de regime. Sendo assim, alguma delas são:

  • Presença única de poder de um líder, partido ou grupo;
  • Não pode ser democrático;
  • Liberdade individual e de expressão são extintas;
  • A população não participa de decisões do Estado;
  • O poder judiciário e legislativo são submissos ao governo;
  • Militarismo;
  • Nacionalismo extremo;
  • Mandato por tempo indeterminado (não há renovação do poder);
  • Desejo de conquistar o maior espaço possível de territórios;
  • Controle da população por meio de atitudes repressivas.
  • Partido único.

O que achou da matéria? Se gosta de história, não perde tempo e confere esse outro texto aqui Proclamação da República – O que foi o 15 de novembro de 1889?

Fontes: Significados, História do Mundo

Fonte imagem destaque: YouTube

Próxima página »