História

Mesopotâmia – Onde ficava, características e povos da primeira sociedade

A Mesopotâmia foi uma civilização da Antiguidade conhecida por suas contruções, organização social e diversidade cultural.

Atualizado em 03/12/2019

O termo Mesopotâmia vem do grego “terra entre rios”, isso porque a civilização estava localizada no vale dos rios Tigre e Eufrates. Essa região era bastante fértil, portanto, atraía a fixação das pessoas constituindo populações. O local passou uma sequência de dominações ao longo do tempo. Por ali viveram sumérios, acádios, assírios, babilônios e muitos outros.

Grupos tribais da Ásia Central encontraram na localidade a possibilidade de pesca, plantio, alimentação e transporte. A agricultura era a base da economia e, apesar do sistema econômico ser pouco desenvolvido, metais e cevada eram utilizados como referência de valor.

Majoritariamente, o trabalho era livre. Os escravos eram apenas para trabalhos duros, como nas minas, mas não tinham apenas um dono. Pertenciam a toda comunidade. Pela grande diversidade de povos na Mesopotâmia, a religião era politeísta. Cada cultura possuía sua própria divindade.

Além disso, eram destaques na arquitetura, ciência e literatura. Dali surgiram cálculos algébricos e astronômicos, a escrita cuneiforme, o calendário de 12 meses, as cidades-estados, por exemplo. Construções como os zigurates, eram templos religiosos e também observatórios de astronomia. Hoje, a região onde os povos mesopotâmicos se desenvolveram é o Iraque.

Mesopotâmia - povos e características da primeira sociedade
Fonte: Wikipédia.

Povos da Mesopotâmia

A Mesopotâmia se desenvolveu a partir de um fenômeno chamado de Revolução Urbana. Na localidade foram construídas cidades muradas com altas torres (zigurates). O poder administrativo, por sua vez, estava na mão dos sacerdotes.

No entanto, a região passou a despertar interesse de sociedades vizinhas que investiram em invasões. Sendo assim, foi necessário separar a religião da política. Dessa forma, para a proteção, a administração passa para a mão dos comandantes militares.

Outro ponto importante é o surgimento das primeiras trocas comerciais datadas na História. Isso começou com a venda de excedentes. O que não era necessário dentro de cada comunidade passava a ser fruto de comercialização. Mas a característica mais marcante das sociedades mesopotâmicas era a diversidade da população. Ali viveram povos de diferentes denominações. Confira os mais importantes:

Sumérios

Oriundos do planalto do Irã, os sumérios foram o primeiro povo a chegar à Mesopotâmia. Foram responsáveis pelo desenvolvimento da escrita cuneiforme de um sistema de canalização da água dos rios. O objetivo era armazenar essa água e abastecer a comunidade nos períodos de seca.

Mesopotâmia - povos e características da primeira sociedade
Canalização da água dos rios – Fonte: Historiazine.

Muito religiosos, eles acreditavam que a terra era dos deuses. Por isso, era trabalho do homem servi-los com plantio e com grandes construções, os famosos zigurates em forma de pirâmides. Esses edifícios serviam para armazenar produtos agrícolas, realizar práticas religiosas e observar o céu.

Mesopotâmia - povos e características da primeira sociedade
Zigurate de Ur – Fonte: Apaixonados por História.

Os sumérios edificaram as primeiras cidades-Estado, sendo a inicial Quish. Depois surgiram Ur, Uruk, Nipur, Lagash e Eridu. Cada uma, portanto, tinha o seu próprio governo liderado por um chefe militar e um sacerdote. A eles coube criar leis e costumes para controlar a população e cobrar impostos administrativos.

Acádios

A sociedade sumeriana viveu um longo período de autonomia. No entanto, houveram muitas lutas por políticas, o que acabou enfraquecendo o poder desse povo. Logo, o território ficou propenso a invasões. Vários povos semitas tomaram a Mesopotâmia.

Acad foi a primeira cidade que surgiu dessa transformação. Seu nome que deu origem ao termo acádio, adotado pelo povo. Posteriormente, em torno de 2330 a.C., foi formado o primeiro Império que se tem registro. O rei acádio Sargão I criou para si o Império Acádio a partir da unificação das cidades sumérias.

Mesopotâmia - povos e características da primeira sociedade
Cidade de Acad – Fonte: Medium.

Mas ainda assim, a região mesopotâmica era muito visada. Diversas outras invasões estrangeiras continuaram acontecendo. Dessa forma, o domínio dos acádios acabou por volta de 2100 a.C.

Babilônios

Provenientes do deserto árabe, os amoritas se fixaram na cidade de Babilônia, passando a se chamar babilônios. O rei Hamurabi foi responsável por unificar a região e fundar o Primeiro Império Babilônico. E também criou o primeiro código de leis, indicando castigos aos que não as cumprissem, o Código de Hamurabi.

Mesopotâmia - povos e características da primeira sociedade
Código de Hamurabi – Fonte: Todo Estudo.

Ele acreditava que, tendo as leis gravadas, as pessoas as conheceriam e as obedeceriam em qualquer parte do reino. As punições variavam de acordo com o âmbito social (doméstico ou profissional), bem como a condição da vítima e do infrator. Dessa forma, regularizava a vingança.

Sendo assim, a partir deste código surgiu o princípio “olho por olho, dente por dente”, também conhecido como Lei de Talião. Apesar de parecer cruel, deve-se lembrar que a sociedade da época não tinha noção do que seria um direito. Portanto, qualquer pessoa poderia fazer justiça a si própria.

Além disso, essa região da Mesopotâmia se tornou um dos maiores centros urbanos da Antiguidade. O Segundo Império Babilônico, sob o governo do Imperador Nabucodonosor, ergueu prédios e monumentos arquitetônicos muito importantes. Seus destaques são os famosos Jardins Suspensos e a Torre de Babel, enorme zigurate construído para chegar ao céu, como é citado na Bíblia.

Mesopotâmia - povos e características da primeira sociedade
Jardins suspensos – Fonte: Xapuri.
Mesopotâmia - povos e características da primeira sociedade
Torre de Babel – Fonte: Aventuras na História.

Assírios

Os assírios eram um povo politeísta que acreditava na ligação dos deuses com a natureza. Também eram conhecidos por sua organização militar. Ávidos pela guerra, foram responsáveis por dominar a Mesopotâmia em torno de 1200 a.C.

Mesopotâmia - povos e características da primeira sociedade
Representação de um militar assírio – Apaixonados por História.

O centro de seu império era a cidade de Nínive. Sob os povos dominados, eles impunham castigos como forma de intimidação. Assim conseguiam mostrar seu poder e hegemonia. Entretanto, esse comportamento desagradava a população, o que enfraqueceu os assírios.

A civilização mesopotâmica, aliás, foi uma das pioneiras em forma de dinâmica cultural e social da Antiguidade. Porém, com o fortalecimento do Império Persa provocou uma invasão à Mesopotâmia. Desse modo, acabando com a organização local.

O que achou da história dessa sociedade? Então vem saber sobre a Civilização Hebraica: a história do povo que escreveu o Antigo Testamento.

Fontes: InfoEscola e Toda Matéria.

Imagem de destaque: Prof.ª Rose.