Física & Química

Ligação Covalente – O que é, definição, fórmulas e elementos químicos

Ligação covalente é uma ligação química em que pares de elétrons são compartilhados entre os átomos dos elementos químicos.

Atualizado em 04/02/2020

Um ligação covalente ocorre entre átomos que possuem a mesma facilidade para receber elétrons. Assim, é uma ligação química. Ou seja, são átomos eletronegativos e existem elementos químicos mais propícios para que a ligação ocorra. Vamos ver a seguir.

Para que a ligação covalente ocorra é preciso analisar alguns aspectos. Dentre eles podemos citar a natureza dos elementos, o número de elétrons que cada um recebe, o princípio da ligação. Além disso, para cada ponto analisado existe uma fórmula específica.

Além disso, uma ligação covalente pode ser classificada de diversas formas. Assim, temos as ligações simples, duplas, triplas, coordenativa ou dativa. Vale lembrar que as ligações entre átomos eletronegativos ocorrem para que os elementos químicos se tornem estáveis. Assim, os átomos compartilham elétron e não há a transferência entre si.

Os elementos da ligação covalente

Alguns elementos são mais propícios em relação à ligação entre elétrons. O Hidrogênio, ametais ou semimetais são elementos químicos que fazem ligação covalente. Visto isso, um elemento faz ligação covalente quando este possui em sua camada de valência de 4 a 7 elétrons.

Ligação Covalente, o que é? Definição, fórmulas e elementos químicos
Ligação de covalência se refere ao número de elétrons compartilhados entre átomos. Fonte: Sooluciona

Os elementos que fazem ligação covalente são:

  • Hidrogênio (H)
  • Berílio (Be)
  • Boro (B)
  • Carbono (C)
  • Nitrogênio (N)
  • Fósforo (P)
  • Oxigênio (O)
  • Enxofre (S)
  • Flúor (F)
  • Cloro (Cl)
  • Bromo (Br)
  • Iodo (I)

Fórmulas utilizadas na ligação covalente

Para que as ligações covalentes ocorram são utilizadas algumas fórmulas como, por exemplo:

  • Fórmula molecular;
  • Fórmula estrutural;
  • Fórmula eletrônica de Lewis.

Nesse sentido, a fórmula molecular indica a quantidade de átomos que um elemento químico possui a partir da ligação covalente que corresponde. Um exemplo é o H2O que possui em sua camada de valência 2 átomos de Hidrogênio e 1 átomo de Oxigênio.

Ligação Covalente, o que é? Definição, fórmulas e elementos químicos
Fórmula da água. Fonte: Sinapse

Já a fórmula estrutural analisa como as moléculas estão organizadas. A partir disso, é possível identificar a ligação existente entre os átomos. Nesse sentido, a fórmula estrutural utiliza a separação simples, dupla e tripla para fazer a diferenciação de quantos átomos uma molécula possui.

Por outro lado, a fórmula de Lewis é utilizada para identificar o elétrons que são compartilhados entre os átomos. O método é feito a partir da observação da organização das moléculas, assim como na fórmula estrutural.

Tipos de ligação

As ligações covalentes podem se dividir em três formas diferentes. Ou seja, podem ser simples, dupla, tripla, coordenada ou dativa.

Nesse sentido, para que uma ligação simples ocorra os átomos fazem um processo de divisão de um elétron para que cada elemento se estabilize. Por outro lado, a ligação dupla a divisão é feita com dois elétrons.

Ligação Covalente, o que é? Definição, fórmulas e elementos químicos
Exemplo de ligação química. Fonte: Unifebe

Já a ligação tripla é feita a partir da divisão de três elétrons dos elementos que buscam a estabilidade das camadas de valência. Por fim, a ligação coordenada ou dativa os elementos realizam a divisão dos elétrons, porém, casa haja elétrons que não foram divididos, ocorre o que chamamos de “doação”. Assim, um elemento doa elétrons para outro elemento para que a camada de valência se estabilize.

O que achou da matéria? Então, já aproveita pra conferir esses outros textos sobre o que são os Pósitrons e Cometas.

Fontes: Brasil Escola, Info Escola e Mundo Educação

Fontes imagem destaque: Unifebe

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.