História

Hitler, quem foi? Biografia, política, nazismo, guerras mundiais e morte

Hitler liderou o Partido Nazista durante a 2ª Guerra Mundial. Responsável pela morte de judeus e ciganos, suicidou-se em 30 de abril de 1945.

Atualizado em 15/08/2020

Hoje vamos fazer uma viagem na história para conhecer uma das figuras mais enigmáticas que já existiu, Adolf Hitler. Nascido no dia 20 de abril de 1889, na Áustria,  foi responsável por liderar o Partido Nazista e capturar judeus durante a Segunda Guerra Mundial.

Porém, o espírito nazista nem sempre esteve presente. Filho de Alois Hitler, inspetor da alfândega da cidade de Braunau, Hitler tentou seguir na carreira artística. Assim, se candidatou em 1907 para a Academia de Belas Artes de Viena.

A Academia recusou o pedido em 1908 e, por consequência, ele passava grande parte do tempo ocioso. Dessa forma, conviveu com ideais políticos diferentes e acredita-se que, a partir disso, Hitler tenha desenvolvido ódio pela classe média e, principalmente, pelos judeus.

Fonte: Observatório

Vida de Hitler

Político alemão nascido em 1889,  foi responsável por liderar as tropas nazistas durante a Segunda Guerra Mundial. Porém, vamos entender o que aconteceu antes.

Durante a Primeira Gerra Mundial (1914-1918), Hitler, ao se alistar, não foi aceito no exército austríaco. Porém, o exército alemão abriu as portas para que a vida política de Hitler começasse. Assim, durante a guerra, Hitler lutou e teve mérito por isso, ganhando assim a Cruz de Ferro.

Porém, após o fim da Primeira Guerra, a Alemanha se via fragilizada economica e politicamente, o que favorecia que ideias extremistas de poder surgissem com maior facilidade, indo do nacionalismo ao comunismo. Falta ressaltar que, a Alemanha pós-guerra ainda era regida pela monarquia.

Nessa época, Hitler viajou para a cidade de Munique. Assim, conseguiu ao cargo de membro do Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães, também conhecido como Partido Nazista.

Fonte: Leya

Partido Nazista

Como membro do Partido Nazista, o austríaco conseguiu unir forças numa Alemanha que se via em crise. Deste modo, durante a crise econômica que afetou o mundo em 1929, os nazistas viram um meio para o avanço político do país.

Dessa maneira, o Partido Nazista começou a receber forte apoio como um legítimo partido político. Com isso, Hitler, por sua oratória impecável, recebeu prestígio para consolidar os ideais na política.

Logo, com as ideias fortemente estruturadas, o Partido Nazista se tornava cada vez mais forte. Assim, Hitler foi nominado chanceler da Alemanha pelo então presidente Paul von Hindenburg (1847 -1934). Porém, o poder tornava Hitler cada vez mais ganancioso na política.

Por consequência, assumindo seu papel de chanceler, o líder do Partido Nazista arquitetou um plano para derrubar o presidente Hindenburg e assumir o total controle alemão. Além disso, foi responsável por rearmar militares alemães e reafirmar os interesses que tinha sobre o território europeu.

Hitler, quem foi? - Vida da política, partido nazista e as guerras mundiais
Fonte: Segunda Guerra

Dessa forma, desacordos políticos começaram a acontecer. Com isso, vários acontecimentos foram responsáveis para o então início da Segunda Guerra Mundial. Veja em forma cronológica os acontecimentos liderados pelo nazista:

  • A Áustria se anexa ao território Alemão – 1938;
  • Tropas nazistas tomam o controle da Tchecoslováquia – 1939;
  • Assinatura do pacto de não-agressão com a União Soviética – 1939;
  • Ataque à Polônia – 1 de setembro de 1939;
  • França e Inglaterra declaram estado de guerra – 3 de setembro de 1939.

O nazista e a Segunda Guerra Mundial

Os primeiros anos da guerra foram de vitórias e conquistas para os nazistas. Assim, com a Inglaterra não tendo poder político forte e a França derrotada logo após um ano de guerra, o território europeu se viu dominado por Adolf Hitler.

O Partido Nazista, incentivados por um otimismo inexplicável, tinha planos de estabelecer uma supremacia com o Império Germânico. Assim, Hitler investiu na criação de câmaras de gás e campos de concentração para aprisionar os chamados “indesejáveis”. Dessa forma, judeus, ciganos e outros povos foram mortos pelo nazista.

Porém, o domínio de Hitler durou por três anos, pois, a França e Itália foram tomadas por aliados anglo-americanos. Assim, a Alemanha foi perdendo cada vez mais espaço na guerra. Assim, no início de 1945 os alemães só tinha seu próprio território para defender. Dessa forma, a guerra acabou em maio, dia 7.

O fim do ditador

Hitler, quem foi? - Vida da política, partido nazista e as guerras mundiais
Fonte: Russia Beyond

Após a guerra e já sem esperanças de tornar a Europa toda nazista, Adolf Hitler se tornou um homem solitário. Por consequência, passou a acreditar em magia como forma de salvar a Alemanha da plena derrota.

Por fim, Hitler que estava vivendo os últimos dias escondido, ao se ver ameaçado, matou sua amante Eva Braun e depois tirou sua própria vida no dia 30 de abril de 1945. O Guerra havia acabado e a vida do líder do Partido Nazista, também.

Gostou da matéria? Então, leia também sobre Mussolini – Quem foi, biografia, guerras e ditadura

Fontes: Só História, Info Escola, Aventuras na História

Fonte imagem destaque: O Globo

Por <a href='https://conhecimentocientifico.r7.com/author/dayane/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Dayane Borges</a>
Por Dayane Borges
Jornalista e redatora com experiência em escrita criativa, adequação e produção de conteúdos multimídia para a web.