Ciências

Granizo – O que é, como é formado, quando ocorre e curiosidades

Granizo é a forma de partículas de chuva em estado sólido. São formados nas nuvens cumulonimbus e medem entre 5 e 200 mm de diâmetro.

Atualizado em 22/10/2019
Por Dayane Borges

Quem já reparou que durante algumas tempestades pedras de gelo caem das nuvens de chuva? Pois bem, à essas pedras de gelo damos o nome de granizo. Deste modo, são formados pelo congelamento da água da chuva, ou seja, a chuva passa do estado líquido para o estado sólido.

Assim, as partículas em estado sólido são transparentes ou translúcidas. Logo, podem apresentar tamanhos e formas variados. Em síntese, o granizo é formado em nuvens cumulonimbus, desenvolvidas em grades altitudes e na vertical.

A maior parte das tempestades de granizo ocorrem em lugares que apresentam temperaturas elevadas e alta umidade do ar. Desta forma, as partículas de gelo começam pequenas dentro das nuvens e, por choque, adquirem tamanhos maiores.

Formação do granizo

As partículas de chuva em estado sólido são formadas dentro das nuvens cumulonimbus, responsáveis também por trovões e relâmpagos. Logo, são nuvens que se desenvolvem em altitudes elevadas e na forma vertical.

Dessa maneira, as gotículas de água presentes na nuvem, ao entrar em contato com a alta temperatura do ar, passam do estado líquido para o estado sólido. Logo, são temperaturas menores que 0° C.

Assim, as partículas de granizo são formadas. Dessa maneira, dentro das nuvens ocorrem colisões o que ocasiona no aumento das partículas de gelo.

Granizo - O que é, como é formado, quando ocorre e curiosidades
Formação da nuvem cumulonimbus. Fonte: YouTube

Em síntese, algumas partículas de gelo não adquirem tamanho suficiente e, assim, chegam ao solo em estado líquido. Dessa forma, dependem da umidade do ar, do peso e da velocidade.

Cuidados

Características como umidade do ar e temperatura elevada são propícias para o surgimento de tempestades de granizo. Neste caso, tempestades em que a precipitação de granizo é muito elevada, podem causar consequências catastróficas.

Assim, em casos de tempestades desastrosas é aconselhável não se proteger embaixo de árvores ou estruturas frágeis. Logo, a chuva de granizo pode destruir plantações, provocar a queda de árvores, abalar a estrutura de telhados. Além disso, é provável que a rede elétrica seja danificada, carros podem ficar amassados e etc.

Casos no Brasil

O granizo no Brasil é mais comum na Região Sul. Em síntese, no estado de Santa Cataria, três cidades foram atingidas pelas tempestades desastrosas. Assim, no dia 15 de novembro de 2010 Celso Ramos, Joaçaba e Chapecó sofreram com  mais de 150 residências danificadas. Por consequência, mais de 30 pessoas ficaram desalojadas.

Granizo - O que é, como é formado, quando ocorre e curiosidades
Temporal de granizo que atingiu Caxias do Sul, Serra Gaúcha. Fonte: Leouve

Curiosidades

  • O maior granizo que foi registrado na história precipitou em Bangladesh, pesando aproximadamente 5 Kg;
  • Os granizos variam de tamanho. Assim, costumam ter entre 0,5 e 5 centímetros de diâmetro;
  • O método utilizado em locais de plantio para impedir a formação dos granizos consiste no uso de substâncias higroscópicas.

Gostou da matéria? O que acha de se aventurar por temas como: o que são as Nuvens – Como são formadas, principais tipos e características e, além disso, descobrir sobre a Biotecnologia, o que é, história e como influencia no seu dia a dia.

Fontes: Brasil Escola, Mundo Educação

Fonte imagem destaque: Info Escola

Próxima página »