Astronomia

Como seu cérebro reagiria a uma viagem para Marte?

Como seu cérebro reagiria a uma viagem para Marte? Descubra se o órgão mais importante de seu corpo suportaria à uma ida ao planeta vermelho:

Atualizado em 05/10/2015

Você sabe como seu cérebro se comportaria caso você ganhasse uma viagem para Marte? Alguns cientistas se reuniram na Rússia para um experimento recente sobre a sensação de estar no planeta vermelho.

Esse experimento ganhou o nome de Mars500, onde seis homens permaneceram confinados por 520 dias – sendo essa a mais longa missão simulada até o momento.

O objetivo dessa missão foi testar como o ser humano se comportaria depois de tantos dias isolados e o resultado da experiência não foi muito animador: depois de 18 meses, o stress crônico da equipe acabou resultando na diminuição das atividades cerebrais.

Crew_in_May_node_full_image_2
Retrato dos seis tripulantes em Maio (2011) ESA

Essa foto foi retirada em Maio, durante a missão. Meses depois, os tripulantes emitiram a seguinte mensagem: “Agosto foi nosso ponto baixo mental: era a fase mais monótona da missão, nossos amigos e familiares estavam de férias e nos enviaram menos mensagens. Também houve pouca variabilidade em nossa alimentação”.

Diego_looking_out_from_the_hatch_node_full_image_2
Astronauta Diego Urbina dentro do Mars500 no ano de 2010. ESA

Seu cérebro em Marte

Um dos desafios testados pelos astronautas nessa simulação foi além dos efeitos fisiológicos. Uma das peculiaridades da vida espaço são os flashs de luz, que tendem a incomodar mesmo quando os astronautas estão de olhos bem fechados.

Esses flashs de luz  seriam os raios cósmicos, que causam irritação e sensações nada confortáveis no nervo óptico dos tripulantes, fazendo-os pensar que estão vendo brilhantes ou pontos luminosos mesmo quando eles param de existir.

experimentoyoutube

Sobre essa experiência o astronauta Don Pettit, doutor em Engenharia Química pela Universidade do Arizona em 1983 escreveu em seu blog: “No quarto escuro da minha estação de dormir, depois que minhas pálpebras caíram, vi fadas piscando”.

O canal do Youtube BrainCraft relatou mais informações sobre como o cérebro se comportaria em Marte em um vídeo em inglês, como você vai ver em segundos. Não se esqueça de ajustar as legendas para o português.