Cachorros aprendem a fazer ‘cara de dó’ para manipular seus donos, diz estudo

Aquela carinha que todo cão faz depois de uma bronca derrete qualquer coração. E eles sabem disso, segundo a ciência, os cães fazem essa cara propositalmente, apenas para te conquistar, ou tentar amenizar uma bronca.

O estudo publicado na Plous One Journal mostrou que os cães faziam essa expressão para serem escolhidos pelos futuros tutores. O seres humanos associam sobrancelhas levantadas à tristeza. Assim, ao escolher animais com essa expressão, os humanos estariam sensibilizados com a tristeza percebida no cão.

E eles entendem isso, acredite, e utilizam essa tática a seu favor.

O estudo

Os cientistas utilizaram um programa de computador para analisar as expressões faciais de cães que estavam disponíveis para adoção. Dessa forma foi possivel mapear os movimentos musculares de 27 cães que estavam em um abrigo. No momento que um possivel tutor os encarava, lá estava a carinha de dó.

Uma evolução necessária

Segundo a principal autora do estudo, Dra. Bridget Waller, os movimentos faciais dos cães evoluíram a fim de se adequar à preferência humana por rostos infantis. De acordo com a pesquisa, tais expressões faciais exerceram um papel fundamental na domesticação dos cães.

A especialista em cognição de cães e co-autora do estudo, Juliane Kaminski, diz que que os cães se distanciam do comportamento e traços físicos dos lobos, se parecendo, em muitos aspectos, mais com filhotes do que com lobos adultos. Mesmo que a cara de dó não determine que tais animais sejam melhores do que os que não a fazem, é uma característica vantajosa.

Então da próxima vez que seu cãozinho fizer essa cara de dó, saiba que pode existir uma malicia canina por trás do semblante.

 

Fonte: SOS solteiros.
Imagens: Reprodução da internet.


Comentários